Emprego da mitomicina C como agente antifibrótico na mioplastia do reto medial do bulbo do olho de coelhos (Oryctolagus cuniculus, Linnaeus, 1758) pela cápsula renal de eqüino ( Equus caballus, 1758)

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2003

Orientador

Laus, José Luiz

Coorientador

Pós-graduação

Medicina Veterinária - FMVZ

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Com o intuito de se prevenirem aderências pós-operatórias em mioplastias oculares, investigou-se a mitomicina C a 0,04 %, pela via tópica, como agente antifibrótico na reparação da musculatura extrínseca ocular valendo-se da cápsula renal de eqüino. Utilizaram-se 24 coelhos da raça Nova Zelândia, adultos, machos ou fêmeas, divididos em 2 grupos, não tratado (GNT) e tratado (GT), que, indistintamente, foram submetidos à ruptura e à reparação do músculo reto medial, testando-se a cápsula renal de eqüino no reforço das mioplastias do olho direito de cada animal. O pós-operatório do grupo não tratado (GNT) consistiu da instilação, profilática, de colírio a base de neomicina, polimixina B e dexametasona a intervalos regulares de 6 horas, por 8 dias consecutivos e de solução fisiológica instilada a intervalos também regulares de 6 horas, por 14 dias seguidos. Para o grupo tratado (GT), além da mesma profilaxia, instituiu-se, pela via tópica, mitomicina C a 0,04 %, a intervalos regulares de 6 horas, por 14 dias consecutivos. Os resultados foram avaliados segundo parâmetros oftálmicos, graus de aderências e a histopatologia. A biomicroscopia, em lâmpada de fenda, revelou maior irritação no GT, nos primeiros dias da avaliação. Graus de aderência apresentaram-se discretos em ambos os grupos aos 15º e 30º dias da avaliação, todavia, aos 60 dias, exibiram-se mais intensos no GNT. A histopatologia revelou exsudação inflamatória em ambos os grupos, porém, mais acentuada no GT. A mitomicina C a 0,04 %, na forma como fora utilizada, permitiu a ocorrência de menor fibrose, comparativamente ao grupo que não a recebeu. A cápsula renal de eqüino, por sua vez, não se mostrou eficaz no reforço das mioplastias. Palavras-chaves: mitomicina C, cápsula renal de eqüino, músculo extra-ocular, aderência, agente antifibrótico.

Resumo (inglês)

Aiming to prevent post-surgical adhesion in eye myoplasties it was investigated the topical application of 0,04 % mitomycin C eye drops as an antifibrosis agent in the repair of the extraocular musculature using the equine renal capsule. For this purpose, 24 New Zealand male or female adult rabbits were used divided into two groups, non-treated (NTG) and treated (TG) which were indistinctly submitted to the rupture and repair of the right eye medial rectus muscles, using the equine renal capsule. The non-treated groups (NTG) post-surgical consists of a prophylactic instillation of neomycin, polimycin B and dexametasone eye drops every 6 hours, for 8 days and admnistration of saline solution every 6 hours, for 14 days. Besides this profilaxy, it was applied to the treated group (TG) 0,04 % mitomycin C eye drops every 6 hours for 14 consecutive days. The results were evaluated following ophthalmic and histopathological patterns and adhesion degrees. The slit-lamp biomicroscopy showed a more intense irritation in the TG on the first days of evaluation. The adhesion showed discreet in both groups on the 15th and 30th days of evaluation. However, they showed more intense in the NTG on the 60th day. The histopathology showed an inflammatory process in both groups, more intense in the TG. The 0,04 % mitomycin C instilled every 6 hours for 14 days showed an antifibrosis action in the extra-ocular musculature. The use of the equine renal capsule in ocular myoplasty was not efficient. Keywords: mitomycin C, equine renal capsule, extraocular muscle, adhesions, antifibrosis agent.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

MAMEDE, Fabrício Villela. Emprego da mitomicina C como agente antifibrótico na mioplastia do reto medial do bulbo do olho de coelhos (Oryctolagus cuniculus, Linnaeus, 1758) pela cápsula renal de eqüino ( Equus caballus, 1758). 2003. 60 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia de Botucatu, 2003.

Itens relacionados