Formação continuada semipresencial de docentes como elemento facilitador das ações de educação em saúde

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2009-12-04

Orientador

Queiroz, Luzia Helena

Coorientador

Pós-graduação

Ciência Animal - FMVA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Considerando que a práxis docente na educação básica abrange educação em saúde, esta pesquisa teve como objetivo avaliar o resultado de ações de educação em saúde oferecidas por meio de um curso de formação continuada, com atividades a distância por meio do Ambiente Virtual de Aprendizagem TelEduc e encontros presenciais, para docentes da rede municipal de Ensino Fundamental I de Araçatuba-SP. O curso foi organizado em duas fases, sendo a Fase I subdivida em módulos de temas como ambientação tecnológica, doenças transmitidas por vetores, doenças transmitidas por cães e gatos, higiene de alimentos, posse responsável e educação em saúde na escola e a Fase II para elaboração e aplicação de projetos educativos. Conhecimentos específicos dos docentes sobre dengue, febre amarela e leishmaniose, foram comparados antes e após o curso, observando-se um crescimento estatisticamente significante no conhecimento sobre estas doenças (p<0,0001) com destaque para as questões relativas ao agente etiológico das doenças, sintomas no homem e medidas de prevenção. A prática de aplicação do projeto educativo teve como critério as ações de multiplicação feitas pelo público-alvo. A experiência de multiplicação dos professores envolveu escolares, que diagnosticaram os problemas por meio de mapa falante e promoveram ações educativas no bairro, destacando-se, dentre outras: peças teatrais, atividades artísticas, mutirão de limpeza e elaboração e distribuição de panfletos em passeata. Conclui-se que a formação continuada de docentes, por meio de cursos semipresenciais, proporciona conhecimentos, impulsiona-os a motivar os educandos a adotar medidas de controle de vetores, cuidar do meio ambiente e sensibilizar a comunidade, colaborando para o controle de doenças

Resumo (inglês)

Considering that the educational praxis on basic education level also includes health education, our purpose was to evaluate the results of an online semi-present continued formation program, directed to teachers from Fundamental I Education level in Araçatuba-SP. The course was organized in two parts, with the Part I divided in themes as technological environment, vector borne diseases, diseases transmitted by dogs and cats, food hygiene, responsible ownership and health education in school and Part II reserved for elaboration and application of educative projects. The specific knowledge about dengue, yellow fever and leishmaniasis was compared before and after the attendance to a course with distance and present classes. Tests showed a statistically significant positive inversion in the knowledge about the studied diseases (p<0.0001) after the course, with emphasis to questions related to diseases etiological agents, symptoms in man and prevention measures. The application of practical educative projects was evaluated by multiplicative actions involving target public. The experience of knowledge multiplication included teachers and students which detected the problems by using talking maps and promoted education actions in their neighborhood, specially mimic plays artistic activities, group cleaning activities and elaboration and distribution of educational material in public demonstrations. We conclude that continuing education using semi-present courses, provides new knowledge to the teachers, impelling them to motivate their students to adopt vectors control measures and environmental cares and to sensitive the community, collaborating this way to control diseases

Descrição

Idioma

Português

Como citar

RODRIGUES, Tercilia de Oliveira. Formação continuada semipresencial de docentes como elemento facilitador das ações de educação em saúde. 2009. 50 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Odontologia e Curso de Medicina Veterinária, 2009.

Itens relacionados

Financiadores