Compostos orgânicos como substratos na formação de mudas de ipê amarelo [Tabebuia chrysotricha (Mart. ex DC) Standl.] irrigado com água residuária

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2008-07-25

Orientador

Galbiatti, João Antonio

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Ciência do Solo) - FCAV

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

A necessidade de se estudar a utilização do resíduo de podas de árvores é de grande importância ambiental para solucionar os problemas de resíduos sólidos gerados nas áreas urbanas junto com os resíduos de lixos domésticos. O estudo deste material foi avaliado com base no desenvolvimento de mudas de ipê-amarelo [Tabebuia Chrysotricha (Mart. ex DC.) standl.] cultivados em diferentes substratos e com 2 tipos de água para irrigação. O experimento foi instalada no setor de plasticultura do Departamento de Engenharia Rural da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias – UNESP, Campus de Jaboticabal. Foram realizados 2 experimentos, avaliados conjuntamente com delineamento experimental em blocos casualizados, de 8 substratos, 2 qualidades de águas e 4 repetições, totalizando 64 parcelas. Cada parcela foi composta por 30 plantas (5 linhas de 6 plantas), sendo consideradas como úteis, as 3 linhas de 4 plantas centrais da parcela. Para estudar o desenvolvimento das mudas de ipê amarelo, foram avaliadas a altura da parte aérea das plantas (H), diâmetro do colmo (D), matéria seca (MS) e composição química. As características de desenvolvimentos foram avaliadas aos 21, 42, 63 e 84 dias após a emergência das plantas. Da análise dos resultados concluiu-se que os substratos estudados promoveram diferenças significativas para altura média das plantas, diâmetro médio de colmo, acúmulo de matéria seca e teores de nutriente nas folhas em todos os períodos de avaliação. Houve interação positiva entre substrato e água de irrigação, para altura média das plantas e diâmetro médio de colmo aos 42, 63 e 84 dias após emergência e em todos nutrientes foliar. Os substratos 3 (5% composto lixo + 95% composto de poda, 4 (10% composto de lixo +90% composto de poda) e 5 (20% de composto de lixo + 80% composto de poda) e a água residuária apresentaram os melhores resultados no desenvolvimento das mudas de ipê amarelo.

Resumo (inglês)

The need to study the use of waste pruning of trees is of great importance to solve the environmental problems of solid waste in the urban areas along with the waste of household waste. The study of these materials was evaluated with the development of seedlings of yellow-ipe [Tabebuia chrysotricha (Mart. ex DC.) Sandl.] in mixtures of different substrates and types of water for irrigation. The experiment was installed at the Department of Rural Engineering of de São Paulo University State, Campus of Jaboticabal. Two experiments were conducted, evaluated together with experimental design in randomized blocks of 8 substrates, 2 qualities of water and 4 repetitions, totaling 64 parcels. Each parcel was composed of 30 plants (5 rows of 6 plants) and is regarded as useful, the 3 lines of 4 plants of the central plot. Eight substrates were tested, resulting from the combination of commercial substrate, composed of household waste and composed of pruning of trees with 2 types of irrigation water (clean water and residuary) and 4 repetitions. To observe the development of seedlings of yellow-ipe, were evaluated the height of the shoots of plants, diameter of the stem, dry material and leaf analysis. The characteristics were evaluated at 21, 42, 63 and 84 days after the emergency. The analysis of results allowed to conclude that the substrates studied promoted significant differences in average height of the plants, stem diameter, dry material and leaf analysis in all periods of assessment. The interaction between substrate and water for irrigation were to average height and diameter of the plant stem at 42, 63 and 84 days after emergency and in all of leaf analysis nutrients. The substrates 3, 4 and 5 with residuary water showed the best results in the development of seedlings of yellow-ipe.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

MURAISHI, Reginaldo Itiro. Compostos orgânicos como substratos na formação de mudas de ipê amarelo [Tabebuia chrysotricha (Mart. ex DC) Standl.] irrigado com água residuária. 2008. viii, 38 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, 2008.

Itens relacionados