Influência da urbanização na vazão máxima da microbacia hidrográfica do córrego da cachoeirinha, Lençóis Paulista, SP

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2012-12-05

Orientador

Rodrigues, Valdemir Antonio

Coorientador

Pós-graduação

Ciência Florestal - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

A urbanização acarreta a diminuição da cobertura vegetal e a impermeabilização do solo, direcionando maior parcela de água pluvial a um escoamento superficial, dada a redução da infiltração, além de diminuir a recarga dos aquíferos e queda da capacidade de amortecimento natural das bacias hidrográficas. A consequência deste processo é um aumento nos volumes escoados e nas vazões de pico, ao mesmo tempo em que ocorre a redução do tempo de concentração da água da chuva, provocando eventos de cheias cada vez mais críticos. Partindo desta premissa, torna-se fundamental a realização de estudos que forneçam prognósticos sobre estes aspectos hidrológicos em bacias hidrográficas, sobretudo em bacias a serem urbanizadas, como é o caso da microbacia hidrográfica do córrego da Cachoeirinha. Assim, o presente trabalho teve como objetivo estudar as condições ambientais, a morfometria e as variáveis hidrológicas da microbacia hidrográfica do córrego da Cachoeirinha, relacionando o escoamento superficial da água da chuva com parâmetros de urbanização, mas especificamente sobre a influência da impermeabilização do solo nos processos hidrológicos em bacias hidrográficas com áreas urbanizadas ou a serem urbanizadas. A microbacia hidrográfica do córrego da Cachoeirinha está localizada no município de Lençóis Paulista, Centro-Oeste do Estado de São Paulo e inserida entre as coordenadas UTM N: 7.492.000 e 7.500.000 m e UTM E: 726.000 e 730.000 m, fuso 22 K, encontrando-se a uma altitude de 517 a 646 m, acima do nível do mar. Ocupa uma área de 15,71 km², sendo integrante da 13º Unidade de Gerenciamento de Recursos Hídricos do Estado de São Paulo (UGRHI), na bacia hidrográfica do Tietê/Jacaré (UGRHI – 13). Dentre as metodologias de extensão da série histórica de dados fluviométricos inferior a três (3) anos, foi utilizado para os cálculos hidrológicos

Resumo (inglês)

The urbanization leads to a decrease in the vegetation cover and in the soil waterproofing, directing a major part of the pluvial water in to a superficial drainage, due to the reduction of infiltration, besides of diminishing the recharge of aquifers and the decrease of the natural damping capacity of the watersheds. The consequence of this process it is an increase in the drain aged volumes and in the flow surges, at the same time that occurs the reduction of time concerning the concentration of rain water, causing critical floods events. From this premise it is essential the realization of studies which provide a forecast about the hydrologic aspects in watersheds, mainly in those where it is need urbanization, as in the case of the micro watershed of Cachoeirinha stream. The present paper has the objective of studying the environmental conditions, the morphometry, and the hydrographic variations of the micro watershed of Cachoeirinha stream relating the superficial flow of the rain water with the guidelines of urbanization, but mainly this paper concerns about the influence of the soil waterproofing in the hydrologic process in the hydrographic watersheds in urbanized areas or those ones which are meant to be. The micro watershed of Cachoeirinha stream is located in Lençóis Paulista township, central west of Sao Paulo state between the coordinates: UTM N: 7.492.000 and 7.500.000 m and UTM E: 726.000 e 730.000 m, time zone 22K, in the altitude of 517 to 646 above the ocean level. It occupies an area of 15,71 km², and the town is part of the 13º “Unidade de Gerenciamento de Recursos Hídricos do Estado de São Paulo (UGRHI)” in the Tietê/Jacaré (UGRHI – 13) watershed. Among the historical series of fluviatile data extension below three (3), it has been used for hydrological calculation the synthetic method of I-PAD-WU, with drainage areas from 2 to 200 km². The simulations which ...

Descrição

Idioma

Português

Como citar

NAVARRO, Everton Chequeto. Influência da urbanização na vazão máxima da microbacia hidrográfica do córrego da cachoeirinha, Lençóis Paulista, SP. 2012. vi, 71 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, 2012.

Itens relacionados