Absorção de manganês em soja RR sob efeito do glifosate

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2011-06-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Sociedade Brasileira de Ciência do Solo

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Foi levantada a hipótese de que o glifosate aplicado à soja resistente ao herbicida poderia alterar a eficiência de absorção e translocação do nutriente na planta. Com o objetivo de estudar o acúmulo e distribuição do Mn, assim como a cinética de absorção de Mn pela soja geneticamente modificada sob efeito da aplicação de glifosate, foram conduzidos dois experimentos. No primeiro, os tratamentos foram constituídos por duas cultivares de soja quase isogênicas cultivadas em solução nutritiva (Conquista e Valiosa RR com aplicação ou não do herbicida). As concentrações de Mn empregadas na solução nutritiva foram: 0; 0,085; 0,125; 0,250; e 0,500 mg L-1. Após 25 dias de cultivo, parte do total de plantas de soja transgênica foi pulverizada com o herbicida. No segundo experimento, para avaliação da cinética de absorção do Mn da cultivar Valiosa RR, as plantas foram pulverizadas com glifosate aos 26 dias de cultivo nas doses de 0, 15 e 960 g ha-1 e.a. Constatou-se que a transgenia para resistência ao herbicida não altera a nutrição mangânica na cultivar de soja Valiosa RR. Mesmo reduzindo a massa de matéria seca de raiz, o glifosate não interfere na absorção e no transporte de Mn na planta de soja transgênica. Quanto à absorção do Mn pela cultivar transgênica, os parâmetros cinéticos Km, Vmáx. e Cmín. não são alterados pelo herbicida aplicado via foliar.

Resumo (inglês)

It was hypothesized that Mn uptake efficiency and transport by transgenic, glifosate-resistant soybean would be affected by application of the herbicide. Two experiments were carried out to study manganese uptake, long-distance transport and absorption kinetics of genetically modified soybean as affected by glifosate application. Experiment 1: The treatments consisted of two near-isogenic soybean cultivars grown in nutrient solution (Conquista and Valiosa RR with or without application of glifosate). The Mn levels in the nutrient solution were 0, 0.085, 0.125, 0.250, 0.500 mg L-1. Twenty-five days after emergence, part of the total transgenic soybean plants were sprayed with herbicide. Experiment 2: Plants were sprayed with glifosate on the 26th day of cultivation at rates of 0 (zero), 15 and 960 g ha-1 to study the Mn absorption kinetics of cultivar Valiosa RR. It was found that genetic resistance to glifosate did not affect manganese nutrition in soybean cultivar Valiosa RR. Despite reducing the root dry matter, glifosate does not hamper Mn absorption and transport in transgenic soybean plants. The Mn absorption kinetic parameters of Valiosa RR, Km, Vmax and Cmin are not altered by glifosate applied to leaves.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Revista Brasileira de Ciência do Solo. Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, v. 35, n. 3, p. 961-968, 2011.

Itens relacionados