Flora meliponícola em um fragmento de Floresta Estacional Semidecídua no sudeste do Brasil

Imagem de Miniatura

Data

2023-12-13

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

O presente estudo teve como objetivo caracterizar a flora meliponícola de um fragmento de Floresta Estacional Semidecídua da Estação Ecológica de Bauru, SP, para o conhecimento dos recursos tróficos disponibilizados às abelhas nativas do gênero Melipona. O levantamento das espécies vegetais foi realizado a partir da lista florística do plano de manejo da Unidade de Conservação “Sebastião Aleixo da Silva” e os resultados obtidos para a caracterização da flora meliponícola através da revisão da literatura científica mediante as bibliotecas digitais, incluindo hábito, categoria sucessional, síndrome de polinização, período de floração e os recursos florais envolvidos na interação inseto-planta. A lista da flora meliponícola é composta por 52 espécies, o que corresponde a 23,6% da flora da Estação Ecológica de Bauru, distribuídas em 46 gêneros e 23 famílias, destacando-se Fabaceae (14 espécies) e Myrtaceae (seis espécies). Houve predomínio do hábito arbóreo em 86,5% das espécies e da síndrome de polinização melitofilia (presente em 73% das espécies), ambas as categorias sucessionais não pioneira e pioneira foram similares. A floração das plantas meliponícolas ocorre durante todo o ano no fragmento, com um pico nos meses da primavera, ou seja, setembro, outubro e novembro, seguidos dos meses de verão e menor número de espécies com floração nos meses de outono e inverno. Dos recursos florais, pólen e néctar são os mais oferecidos e somados são disponibilizados por 88,5% das espécies. Houve pouca ocorrência de substrato para nidificação. Os resultados contribuem para a caracterização da flora de interesse meliponícola, com o intuito de subsidiar a meliponicultura e projetos de conservação dessas abelhas nativas em ecossistemas da Mata Atlântica.
This study aimed to characterize the flora exploited by stingless bees at a fragment of Semideciduous Seasonal Forest at the Estação Ecológica de Bauru, SP, to comprehend the trophic resources offered to native bees of the genus Melipona. The plant species was obtained based on the floristic list by the Conservation Management Plan of the “Sebastião Aleixo da Silva” Conservation Unit and the results for the characterization of the flora exploited by stringless bees through the bibliographical review of scientific literature using databases, including the growth habit, sucessional category, pollination syndrome, flowering period and floral resources involved in insect-plant interaction. The list of the flora exploited by stingless bees is composed of a total of 52 species, corresponding to 23.6% of the total number of the flora of the Estação Ecológica de Bauru, distributed in 46 genera and 23 families, with emphasis on Fabaceae (14 species), followed by Myrtaceae (six species). Of these plants, 86.5% are trees, and the melittophily syndrome was the most frequent (representing 73% of the species), both successional categories non-pioneer, and pioneer were similar. The flowering occurs throughout the year, being more frequently in the spring months (September, October and November), followed by the summer months, and it is less frequent in the autumn and winter months. Of the type of floral resource foraged by stingless bees, pollen and nectar are the most offered, and together they correspond to 88.5% of the total number of species. The substrate for nesting has little occurrence. These results enable the characterization of flora exploited by stingless bees, contributing to meliponiculture and conservation projects for native bees in Atlantic Forest ecosystems.

Descrição

Palavras-chave

Biodiversidade, Florística, Mata Atlântica, Melipona, Serviços ecossistêmicos, Biodiversity, Floristics, Atlantic Forest, Ecosystem services

Como citar

MORENO, Eliza Dionisio. Flora meliponícola em um fragmento de Floresta Estacional Semidecídua no sudeste do Brasil. Orientador: Veridiana de Lara Weiser Bramante, 2023. 36 p. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Ciências Biológicas) - Faculdade de Ciências, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho", Bauru, 2023.. Disponível em: https://hdl.handle.net/11449/252976. Acesso em: 23 de jan. 2024.