Produtividade, estabilidade e adaptabilidade em progênies de Eucalyptus grandis

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2012-07-19

Orientador

Moraes, Mario Luiz Teixeira de
Mori, Edson Seizo

Coorientador

Pós-graduação

Ciência Florestal - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

O Eucalyptus grandis é uma das espécies mais plantadas no Brasil devido às características silviculturais e a sua adaptação a diferentes condições edafoclimáticas, o que possibilita resultados significativos de rendimento volumétrico. Diversas procedências e progênies vêm sendo estudadas com o propósito de se conhecer a estrutura genética destas populações, o que facilitará a obtenção de material genético adequado ao desenvolvimento de programas de melhoramento florestal no país. O objetivo deste trabalho foi realizar o zoneamento ecológico por meio da análise de estabilidade, adaptabilidade e produtividade de progênies de Eucalyptus grandis, utilizando-se do método MHPRVG (média harmônica da performance relativa dos valores genéticos) preditos por BLUP e estimar a variabilidade genética a partir de caracteres quantitativos. Foram instalados quatro testes de progênies de polinização aberta nos municípios de Anhembi, Avaré, Itararé e Pratânia. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, com quatro e seis repetições e seis plantas por parcela. Um total de 153 a 160 tratamentos (progênies) foram avaliados para diâmetro a altura do peito, altura das árvores e volume, nos quatro ensaios as medições foram realizadas aos 12 e 24 meses de idade. Os parâmetros genéticos, para o estudo de estabilidade, adaptabilidade e produtividade dos genótipos de E. grandis, foram estimados por meio da metodologia REML/BLUP. Os altos valores encontrados para o coeficiente de variação genética demostram que existe alta variabilidade genética entre as progênies, corroboradas com altas herdabilidades médias, os efeitos da interação genótipos ambientes foram significativos. O método da MHPRVG permitiu a seleção de progênies com alto potencial produtivo predito, classificadas simultaneamente...

Resumo (inglês)

The Eucalyptus grandis is a species grown in Brazil due to forest features and their adaptation to different climatic conditions, which enables significant results of volumetric efficiency. Several provenances and progenies have been studied in order to understand the genetic structure of these populations, which will facilitate the acquisition of genetic material suitable for development of forest breeding programs in the country. The objective of this study was realize the ecological zoning through the analysis of stability, adaptability and productivity of progenies of Eucalyptus grandis, using the method MHPRVG (harmonic mean of the relative performance of the predicted genetic values) predicted by BLUP and estimate the genetic variability from quantitative traits. Were installed four sites of Open-pollinated progenies in the municipalities of Anhembi, Avaré, Itararé and Pratânia. Were established in a randomized complete blocks design with the families at each site numbering from 153 to 160, the blocks at each site numbering from four to six and the trees per plot ranging from to six, were evaluated for trees diameter at breast height, height and volume, at four sites measurements were at 12 and 24 months. The genetics parameters for study of stability, adaptability and productivity of genotype of E. grandis, were estimate by genetic REML/BLUP. The high values found for coefficient of genetic variation showing high genetic variability among progenies, corroborated with high heritability means, the effects of genotype x environments were significant. The method of MHPRVG allowed the selection of progenies with high yield potential predicted, classified simultaneous by productivity, stability and adaptability. The high values of heritability means of progenies above 67% progeny allow anticipating the successful selection of... (Complete abstract click electronic access below)

Descrição

Idioma

Português

Como citar

MIRANDA, Aline Cristina. Produtividade, estabilidade e adaptabilidade em progênies de Eucalyptus grandis. 2012. xi, 116 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, 2012.

Itens relacionados