Qualidade fisiológica e armazenamento de sementes de milheto em função da época de semeadura

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2009-01-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Federal de Uberlândia (UFU)

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (inglês)

Pearl millet is recommended to produce dry matter for no-tillage system, as forage or for grain yield. The sowing time affects the crop development; thus, it can affect seed quality and initial storage conditions. The present research had as objective to evaluate the effects of sowing time on pearl millet seeds quality during the storage. Pearl millet seeds from twelve monthly sowing times were stored in environmental conditions, with no temperature and relative humidity control, and evaluated by seed moisture content, germination and vigor (first count of the germination test and electrical conductivity) for 0, 27 and 42 months of storage. The completely random design was employed, as a factorial experiment 12 x 3 (sowing time x storage time), with four replications. Means were compared by Tukey test (p <= 0.05). Pearl millet seeds produced in September resulted in the production of seeds with high germination and vigor, evaluated by the electrical conductivity test. The capacity of quality conservation of pearl millet seeds, for different storage times, is related to crop sowing time.

Resumo (português)

O milheto é uma planta recomendada para a produção de palha e cobertura do solo no sistema de plantio direto, como forrageira ou para produção de grãos. A época de semeadura afeta o desenvolvimento da cultura; portanto, pode alterar a qualidade das sementes produzidas, influenciando nas condições iniciais de armazenamento. O presente trabalho objetivou avaliar os efeitos da época de semeadura na qualidade fisiológica de sementes de milheto durante o armazenamento. Sementes de milheto provenientes de doze épocas de semeadura, com intervalos mensais, foram armazenadas em condições de ambiente, e avaliadas mediante a determinação do teor de água, da germinação e do vigor (primeira contagem do teste de germinação e condutividade elétrica), aos 0, 27 e 42 meses. O delineamento experimental inteiramente casualizado foi utilizado, com quatro repetições, em esquema fatorial 12x3 (época de semeadura x período de armazenamento). As médias foram comparadas por meio do teste de Tukey a 5% de probabilidade. A semeadura do milheto em setembro resultou na produção de sementes de elevada germinação e vigor, avaliado pelo teste de condutividade elétrica. A capacidade de conservação da qualidade de sementes de milheto por diferentes períodos de armazenamento está relacionada à época de semeadura da cultura.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Bioscience Journal. Uberlandia: Universidade Federal de Uberlândia (UFU), v. 25, n. 3, p. 16-23, 2009.

Itens relacionados

Financiadores