Avaliação da aplicação de ondas de ultra-som sobre cimentos de ionômero de vidro: rugosidade superficial e dureza

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2010

Autores

Lopes, João H. P. [UNESP]
Guimarães, Murilo de Sousa [UNESP]
Coldebella, Carmen Regina [UNESP]
Zuanon, Angela Cristina Cilense [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo

The application of ultrasonic waves during the initial setting of the glass ionomer cements (GIC) has demonstrated increase of the cure speed, reduction of air bubbles and improves in some mechanical properties. The aim of this study was to evaluate the effect of the ultrasound on the microhardness and the superficial roughness in two GICs (FUJI IX GP (GC Corporation) and Ketac Molar EasyMix (3M ESPE)). Forty specimens were confectioned, twenty for evaluation of the superficial roughness and twenty for evaluation of the microhardness. Half of them received for thirty seconds the ultrasonic waves application. The readings of the roughness had been carried before and after the toothbrushing test. The twenty remaining specimens had been polished with abrasive sandpapers of decreasing granulations and submitted to the hardness test. The results, analyzed for the variance analysis (ANOVA) (p<0,05), had demonstrated increase of the hardness for all the groups with the application of ultrasonic waves, being bigger for the Ketac Molar EasyMix. The ultrasound application also caused significant reduction of the superficial roughness for the Ketac Molar EasyMix. After the toothbrushing test, this last property increased for all the materials. It could be concluded that the application of ultrasonic waves was effective in increasing the superficial hardness of the materials and that it improved the roughness of the Ketac Molar EasyMix before the toothbrushing test.
A aplicação de ondas ultra-sônicas durante a reação de presa inicial do cimento de ionômero de vidro (CIV) tem demonstrado aumento da velocidade de cura, diminuição da incorporação de bolhas de ar e melhora em algumas propriedades mecânicas. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito do ultra-som sobre a microdureza e a rugosidade superfcial de dois CIVs (FUJI IX GP-GC Corporation e o Ketac Molar EasyMix-3M ESPE). Foram confeccionados quarenta corpos de prova, sendo vinte para a avaliação da rugosidade superfcial e vinte para avaliação da microdureza, e metade deles recebeu por trinta segundos a aplicação de ondas de ultra-som. As leituras da rugosidade superfcial foram realizadas antes e após o ensaio de escovação. Os vinte corpos de prova restantes foram polidos com lixas abrasivas de granulações decrescentes e submetidos ao teste de dureza, utilizando um durômetro digital equipado com diamante Knoop. Os resultados, analisados pela análise de variância (ANOVA) (p<0,05), demonstraram aumento da dureza para todos os grupos com a aplicação de ondas de ultra-som, sendo maior para o Ketac Molar EasyMix. A aplicação de ultra-som causou também diminuição signifcativa da rugosidade superfcial para o Ketac Molar EasyMix. Após o ensaio de escovação, esta última propriedade aumentou para todos os materiais. Pôde-se concluir que a aplicação de ondas de ultra-som foi efetiva em aumentar a dureza superfcial dos materiais e que melhorou a rugosidade do Ketac Molar EasyMix antes do ensaio de escovação.

Descrição

Palavras-chave

Ultrasound, Superficial roughness, Hardness, Glass ionomer cements, Ultra-som, Cimentos de Ionômero de Vidro, Rugosidade Superficial, Microdureza

Como citar

ROBRAC, v. 19, n. 48, p. 42-47, 2010.