Menta (Mentha x piperita L.) cultivada com aplicação de ácido salicílico: avaliações fotossintéticas e bioquímicas

dc.contributor.advisorBoaro, Carmen Sílvia Fernandes [UNESP]
dc.contributor.authorGonçalves, Fabrício Custódio de Moura [UNESP]
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.date.accessioned2017-04-26T14:52:21Z
dc.date.available2017-04-26T14:52:21Z
dc.date.issued2017-03-02
dc.description.abstractA menta (Mentha x piperita L.), planta medicinal, apresenta óleo essencial empregado como aditivo em alimentos e em formulações farmacêuticas. O ácido salicílico é um composto fenólico, que distribuído por todo reino vegetal pode modificar as respostas fisiológicas e metabólicas da planta, atuando como composto sinalizador de defesa sistêmica por alterar de forma efetiva a biossíntese de metabólitos secundários. A presente proposta tem como objetivo estudar a M. x piperita cultivada com aplicação de ácido salicílico e a sua influência em aspectos dos metabolismos primário e especializado. O experimento foi conduzido no Departamento de Botânica, IBB, UNESP, Botucatu/SP, em casa de vegetação. As plantas foram cultivadas em solução nutritiva no 2 de Hoagland & Arnon, com força iônica reduzida a 70%, em delineamento inteiramente casualizado, com quatro repetições, sem ácido salicílico e três concentrações desse composto aplicado via foliar, constituindo diferentes tratamentos com concentrações iguais a 0 (controle), 75, 150 e 225 mg L-1. As avaliações de crescimento e trocas gasosas foram realizadas aos 45, 60 e 75 e as avaliações de pigmentos, fenóis totais e perfis de substâncias voláteis aos 45, 60, 75 e 90 dias após transplante. Os resultados obtidos foram submetidos à análise de variância ou de regressão e as médias comparadas pelo teste de Tukey a 5% de probabilidade. Os resultados revelaram que aplicação de ácido salicílico não influenciou a produção de substâncias voláteis, a produção de folhas, matéria seca e área foliar, influenciando de modo discreto índices fisiológicos de crescimento e elevando taxas de assimilação de CO2, carboxilação, condutância estomática, eficiência de uso da água e transpiração e antocianinas. Conclui-se que a aplicação de ácido salicílico influenciou o metabolismo primário e especializado, elevando as trocas gasosas e influenciando aspectos das rotas de síntese de antioxidantes.pt
dc.description.abstractPeppermint (Mentha x piperita L.), a medicinal plant, presents essential oil used as an additive in food and pharmaceutical formulations. The salicylic acid is a phenolic compound, that when distributed through all the plant kingdom can modify the plant’s physiological and metabolic responses, acting as a systemic defense signaling compound for effectively altering the biosynthesis of secondary metabolites. The current proposal aims to study the M. x piperita cultivated with salicylic acid application and its influences on aspects of primary and specialised metabolisms. The experiment was conducted at the Botany department, IBB, UNESP, Botucatu/SP, in a greenhouse. The plants were cultivated in nutrient solution no 2 of Hoagland & Arnon, with ionic strength reduced to 70%, in an entirely randomised design, with fours replicates, without salicylic acid and three concentrations of this compound applied through the leaves, constituting different treatments with concentrations equal to 0 (control), 75, 150 and 225 mg L-1. Assessments of growth and gas exchange were performed at 45, 60 and 75 and the assessments of pigments, total phenols and profiles of volatile substances at 45, 60, 75 and 90 days after transplantation. The results obtained were submitted into analysis of variance or regression and the averages compared by the Turkey test at 5% of probability. The results revealed that salicylic acid application did not influence the production of volatile substances, leaf production, dry matter or leaf area, discretely influencing physiological growth rates and increasing assimilation rates of CO2, carboxylation, stomatal conductance, efficiency of water use and transpiration and anthocyanins. It concludes that salicylic acid application influenced primary and specialised metabolism, elevating gas exchanges and influencing aspects of synthesis routes of antioxidant.en
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.identifier.aleph000884709
dc.identifier.capes33004064014P0
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/150459
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.subjectPlantas medicinaispt
dc.subjectElicitores biológicospt
dc.subjectProdutividadept
dc.titleMenta (Mentha x piperita L.) cultivada com aplicação de ácido salicílico: avaliações fotossintéticas e bioquímicaspt
dc.title.alternativePeppermint (Mentha x piperita L.) cultivated with application of salicylic acid: photosynthetic and biochemical evaluationsen
dc.typeDissertação de mestrado
unesp.advisor.lattes0656489173735132[1]
unesp.advisor.orcid0000-0002-5524-0621[1]
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências Agronômicas, Botucatupt
unesp.embargoOnlinept
unesp.graduateProgramAgronomia (Horticultura) - FCApt
unesp.knowledgeAreaFisiologia e bioquímica vegetalpt
unesp.researchAreaFisiologia e bioquímica vegetalpt

Arquivos

Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
goncalves_fcm_me_bot.pdf
Tamanho:
2.09 MB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Descrição:
Licença do Pacote
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
license.txt
Tamanho:
3.02 KB
Formato:
Item-specific license agreed upon to submission
Descrição: