Grafias não-convencionais da coda silábica nasal em dados de escrita de jovens e adultos em processo de alfabetização

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2011-05-16

Autores

Campos, Priscila Barbosa Borduqui [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

O presente trabalho trata das grafias não-convencionais de sílabas com coda nasal, produzidas por jovens e adultos em processo de alfabetização de uma escola municipal de São José do Rio Preto. Sob o aspecto fonético (CAGLIARI, 2009), a posição de coda corresponde a um momento de redução de energia, o que pode tornar os segmentos que preenchem essa posição da sílaba menos audíveis. Sob o aspecto fonológico (SELKIRK, 1982), a coda é um constituinte não-imediato da sílaba que apresenta várias restrições de preenchimento. A nasalidade apresenta uma complexidade decorrente de aspectos fonético-acústicos aliados a uma discussão na literatura a respeito de sua representação fonológica. Soma-se ainda, o fato de a nasal em coda no Português Brasileiro apresentar, sob o aspecto gráfico, três possibilidades de registro (<m>, <n> e <~>). O córpus de pesquisa é constituído de grafias de palavras coletadas a partir de cinco propostas de escrita, incluindo uma lista de frutas, duas propostas de bingo e duas propostas de listas a partir de imagens. A metodologia de análise qualitativa baseia-se no paradigma indiciário proposto por Ginzburg (1989), pois acreditamos que, ao considerar a singularidade dos dados, teremos fortes indícios da inserção do escrevente tanto em práticas orais quanto em práticas letradas. Para análise quantitativa dos dados, consideraram-se as variáveis: estrutura da sílaba, tipo de vogal no núcleo silábico, tonicidade da sílaba. Os dados foram organizados de acordo com (i) tipos de registros da rima e (ii) não-registros da coda. Os registros foram classificados como convencionais e não-convencionais. Quanto aos registros não-convencionais, organizamos uma categorização de acordo com a não-convenção ortográfica que envolve a coda e a vogal. Verificou-se que os escreventes, em sua maioria, registram a posição de coda...
The present work treats of the unconventional orthographies of syllables with nasal coda, produced by youths and adults in literacy process of a municipal school of São José do Rio Preto. Under the phonetic aspect (CAGLIARI, 2009), the coda position corresponds a moment of reduction of energy, what can turn the segments that fill out this position the less audible syllable. Under the phonological aspect (SELKIRK, 1982), the coda is a syllable constituent that presents several completion restrictions. The nasality presents a current complexity of phonetic-acoustic aspects allies a discussion in the literature regarding its phonological representation. It is still added, the fact the nasal in coda in the Brazilian Portuguese presents, under the graphic aspect, three registration possibilities (<m>, <n> and <~>). The research corpus is constituted of the orthographies of words collected starting from five proposed of writing, including a list of fruits, two proposed of bingo and two proposed of lists starting from images. The methodology of qualitative analysis is based on the indiciário paradigm proposed by Ginzburg (1989), because we believed that, when considering the singularity of the data, we will have strong indications of the clerk's insert in oral practices and in litteracy practices. For quantitative analysis of the data, it was considered the variables: structure of the syllable, type of vowel of nucleus, tonicity of syllable. The data were organized in agreement with (i) types of registrations of the rhyme and (ii) no-registrations of the coda. The registrations were classified as conventional and unconventional. As for the unconventional registrations, we organized a categorization in agreement with the orthographic unconvention that involves the coda and the vowel. It was verified that the clerks, in their majority, register the position of the coda independent... (Complete abstract click electronic access below)

Descrição

Palavras-chave

Syllable, Acquisition of the writing, Literacy, Orality, EJA, Fonética, Letramento, Lingua portuguesa - Ortografia e silabação, Fonologia

Como citar

CAMPOS, Priscila Barbosa Borduqui. Grafias não-convencionais da coda silábica nasal em dados de escrita de jovens e adultos em processo de alfabetização. 2011. 123 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas, 2011.