Uso popular de plantas medicinais na comunidade rural da Vargem Grande Município de Natividade da Serra, SP

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2006-08-28

Orientador

Amorozo, Maria Christina de Mello

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Horticultura) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

O objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento junto à comunidade rural da Vargem Grande, município de Natividade da Serra, São Paulo, a respeito do conhecimento sobre as plantas medicinais utilizadas para as doenças de maior ocorrência na região. A coleta de dados foi realizada no período de março de 2004 a janeiro de 2006. A metodologia utilizada foi baseada em Antropologia Cultural, com entrevistas semiestruturadas, observação participante e aprendizado das técnicas tradicionais. Os problemas de diabetes, hipertensão, má digestão e problemas urinários foram citados como sendo de maior ocorrência na região pelos profissionais do Sistema Oficial de Saúde. A categoria de lesões de pele foi incluída na pesquisa pela freqüência de citações dos entrevistados. Foram entrevistados 17 entrevistados através da amostragem bola de neve . Para melhor compreensão dos entrevistados foram utilizados os termos pressão alta, açúcar no sangue, má digestão e dor de urina e bexiga que eram os mais utilizados no local para designar os problemas de saúde. Embora a pesquisa tenha se restringido a alguns grupos de doenças e tipos de lesão, foi indicado um alto número de plantas totalizando 115 espécies. As famílias mais representativas foram Asteraceae, Solanaceae e Lamiaceae. As espécies mais populares entre os informantes foram Baccharis sp (carqueja) e Sechium edule (Jacq.) Sw (chuchu). Pelo alto índice de concordância para algumas espécies indicadas sugere-se estudos de ação farmacológica que comprovem a eficácia terapêutica dessas espécies, incentivando programas de fitoterapia dentro do Sistema Oficial de Saúde, adaptado ao sistema cultural das populações locais para a otimização de seu uso.

Resumo (inglês)

The aim of this work was describe a survey of knowledge medicinal plants used for the illness that most occurs in community rural of Vargem Grande, Natividade da Serra, SP, Brazil. The dates were collected in the period of March 2004 to January 2006. The methodoly was based on a cultural anthropology with interviews semi-structured, participant observation and with the learning of the traditional technicals. The illness of diabetes, hypertension, bad digestion, urinary tract had been cited as being the bigger occurrence in the region by professionals of the Official System of Health. The category skin injuries, was include in the research for the frequency citation. Were conducted 17 interviews with sampling snowball . For a better understanding of the informers the terms was used high pressure, sugar in the blood, bad digestion, urine and bladder pain. Although the research was restricted to some cases of health, a high number of plants were indicated, totalizing 115 species. The most representatives families was Asteraceae, Solanaceae e Lamiaceae. The most popularly species between the informes was Baccharis sp and Sechium edule (Jacq.) Sw. For the high number of agreement for some indicated species, studies of pharmacology action are 11 suggested to prove the therapeutical effectiveness of these species, stimulating programs of phytoterapy inside of the Official System of Health adapted to the cultural system of each population for the optimizing its use.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

SANTOS, Juliana de Faria Lima. Uso popular de plantas medicinais na comunidade rural da Vargem Grande Município de Natividade da Serra, SP. 2006. vii, 104 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, 2006.