Pós-colheita de cones de lúpulo (Humulus lupulus L.): perfil fitoquímico em função do processamento e armazenamento

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2023-08-28

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

O lúpulo (Humulus lupulus L.) é conhecido principalmente pela sua utilização no mercado cervejeiro, sendo responsável pelo aroma, amargor e estrutura da bebida. Assim, pode ser dividido em categorias como: aromático, amargor e dupla aptidão. A variedade utilizada no presente trabalho foi a Fuggle, classificada como uns dois primeiros lúpulos de aroma com notas amadeiradas e cítricas, o que justifica os estudos direcionados à conservação dos seus compostos aromáticos. O objetivo do trabalho foi quantificar o rendimento da extração do óleo essenciais em diferentes tipos de processamento dos cones de lúpulo e avaliar as possíveis alterações no perfil químico, tanto quanto, verificar o tempo de estabilidade dos compostos de aroma e amargor sob as condições de armazenamento dos cones em embalagens a vácuo e refrigerado. Por vez, cones de lúpulo foram coletados do campo experimental instalado no Pomar Didático da FCA / UNESP – Botucatu – SP, no ponto de maturidade fisiológica. O material foi seco em estufa na temperatura de 40°C, até atingirem 10% de umidade. A extração dos óleos essenciais foi realizada no Laboratório de Plantas Medicinais, no Departamento de Horticultura da UNESP - FCA, Botucatu – SP. O óleo essencial foi obtido pelo método de hidrodestilação em aparato tipo Clevenger, utilizando balão de 2L contendo 1L d’água deionizada junto ao material vegetal seco, o rendimento de óleo essencial foi determinado com base na matéria seca de cones triturados e inteiros (gramas de óleo. 100-1 gramas de matéria seca) em tempos distintos de extração (30 minutos, 60 minutos, 120 minutos e 180 minutos), no primeiro estudo, e posteriormente foram realizadas análises da composição química dos óleos essenciais em cromatógrafo a gás Thermo Scientific (modelo TRACE 1300) equipado com detector de ionização em chamas (DIC), espectrômetro de massas (modelo ISQ 7000) e injetor automático Triplus RSH. Já para o segundo estudo, o tempo de extração de óleos essenciais adotado foi de 3 horas, para os quatro tratamentos caracterizado por tempos de armazenamentos (30, 60, 90, 120 dias), no qual procede-se a análise da composição química conforme supracitado e determinação dos teores de alfa- e beta- ácidos foi a partir da extração dos ácidos da amostra de lúpulo seguida de análise espectrofotométrica. Cones inteiros de lúpulo apresentaram maiores rendimentos de óleos essenciais, atingindo o ponto máximo em 300 minutos. O perfil fitoquímico atendeu os parâmetros da literatura, onde a maioria foram extraídos em maior concentração em cones triturados. No armazenamento não houve alteração no perfil fitoquímico dos óleos essenciais em relação ao tempo, alterando apenas os compostos de amargor. Verificou-se a partir de 60 dias em condições de armazenamento a vácuo e congelado, já se inicia uma degradaçao do alfa-ácido
Hops (Humulus lupulus L.) is mainly known for its use in the brewing market, being responsible for the aroma, bitterness, and structure of the beverage. Thus, it can be divided into categories such as: aromatic, bitterness, and dual purpose. The variety used in the present work was Fuggle, classified as the first two aroma hops with woody and citrus notes, which justifies the studies aimed at the conservation of its aromatic compounds. The objective of the present work was to quantify the yield of essential oil extraction in different types of processing of hop cones and to evaluate the possible changes in the chemical profile, as well as to verify the stability time of the aroma and bitterness compounds under the conditions of storage of cones in vacuum and refrigerated packaging. For that, hop cones were collected from the experimental field installed in the Orchard Didactic of FCA / UNESP – Botucatu – SP, at the point of physiological maturity. The material was dried in an oven at a temperature of 40oC, until reaching 10% moisture. The extraction of essential oils was carried out in the Medicinal Plants laboratory, in the Horticulture department of UNESP- FCA, Botucatu – SP. The essential oil was obtained by the hydrodistillation method in a Clevenger type apparatus, using a 2L flask containing 1L of deionized water together with the plant material, the essential oil yield was determined based on the dry matter of fragmented and whole cones (grams of oil 100-1 grams of dry matter) at different times of extraction (30 min., 60 min., 120 min. and 180 min.) in the first study, and later analyzes of the chemical composition of essential oils were carried out in a Thermo Scientific gas chromatograph ( TRACE 1300) equipped with a flame ionization detector (FID), mass spectrometer (ISQ 7000 model) and a Triplus RSH auto-injector. For the second study, the time of extraction of essential oils adopted was 3 hours, for the four treatments characterized by storage times (30, 60, 90, 120 days), in which the analysis of the chemical composition is carried out according to mentioned above and determination of the alpha-and beta-acids contents was based on the extraction of acids from the hop sample followed by spectrophotometric analysis. Whole hop cones showed higher yields of essential oils, reaching a maximum at 300 minutes. The phytochemical profile met the parameters of the literature, where most were extracted in higher concentration in fragmented cones. During storage, there was no alteration in the phytochemical profile of essential oils in relation to time, only altering the bitterness compounds. It was verified after 60 days in vacuum and frozen storage conditions a degradation of the alpha-acid already begins.

Descrição

Palavras-chave

estocagem, Fuggle, óleo essenciais, alfa-ácidos, beta-ácidos, storage, essencial oils, alpha acids, beta acids

Como citar

TREVISAN, Victoria Paciléo. Pós-colheita de cones de lúpulo (Humulus lupulus L.): perfil fitoquímico em função do processamento e armazenamento. 2023. Dissertação (Mestrado em Agronomia/Horticultura ) - Faculdade de Ciências Agronômicas, Universidade Estadual Paulista, Botucatu, 2023.