Influência da suplementação de ácido retinóico no processo de remodelação cardíaca induzida pela exposição à fumaça do cigarro em ratos

dc.contributor.advisorZornoff, Leonardo Antonio Mamede [UNESP]
dc.contributor.advisorPaiva, Sergio Alberto Rupp de [UNESP]
dc.contributor.authorOliveira, Lucienne da Cruz [UNESP]
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.date.accessioned2014-06-11T19:25:37Z
dc.date.available2014-06-11T19:25:37Z
dc.date.issued2009-02-10
dc.description.abstractO objetivo deste estudo foi avaliar o papel do ácido retinóico na remodelação cardíaca induzida pela exposição à fumaça do cigarro. Os ratos foram divididos em três grupos: controle (C, n = 8); expostos animais expostos à fumaça do cigarro (EFC, n = 9); animais expostos à fumaça de cigarro e suplementados com ácido retinóico (EFC-AR, n = 9). Após dois meses, foram submetidos ao ecocardiograma e análise morfométrica. Os dados estão expressos em média ± desvio padrão ou medianas e intervalo interquartílico (Q1-Q3). Não houve diferença na pressão sistólica caudal entre os grupos (C = 116 ± 27 mmHg; EFC = 129 ± 17 mmHg; EFC-AR = 139 ± 19 mmHg; p = 0,102). O grupo EFC mostrou maior diâmetro diastólico do ventrículo esquerdo ajustado ao peso corporal (C = 18,42 ± 3,57 mm/kg; EFC = 23 ± 1,85 mm/kg; EFC-AR = 19,51 ± 0,99 mm/kg; p = 0,001) e sistólico ajustado ao peso corporal (C = 8,25 ± 2,16 mm/kg; EFC = 11,53 ± 1,31 mm/kg; EFC-AR = 8,25 ± 0,71 mm/kg; p = <0,001) quando comparado com C grupo e EFC-AR. Por outro lado, não houve diferença entre C e EFC-AR. A espessura da parede do ventrículo esquerdo ajustado ao diâmetro diastólico do ventrículo esquerdo foi maior no grupo C do que nos EFC (C = 0,20 (0,18-0,23); EFC = 0,15 (0,14-0,18); EFC-AR = 0,19 (0,17-0,22; p = 0,003). A fração de ejeção (C = 0,91 ± 0,02; EFC = 0,87 ± 0,03; EFC-AR = 0,92 ± 0,03; p = 0,003) e a fração de encurtamento (C = 55,77 ± 4,41%; EFC = 49,73 ± 4,43%; EFC-AR = 57,60 ± 5,15%; p = 0,005) foram mais elevados nos animais do grupo C e EFC-AR em relação aos animais do grupo EFC. Por outro lado, não houve diferenças entre C e EFC-AR. Além disso, o tabagismo está associado com um aumento significativo da área seccional do miócito (C = 294 ± 21 μm2; EFC = 347 ± 44 μm2; EFC-AR = 310 ± 37 μm2; p = 0,016). Por outro lado...pt
dc.description.abstractThe objective of this study was to evaluate the role of retinoic acid in the myocardial remodeling induced by tobacco smoke exposure. Rats were allocated into three groups: control (C, n=8); exposed to tobacco smoke (ETS, n=9); exposed to tobacco smoke and all-transretinoic acid (ETS-AR, n = 9). After two months, were submitted to echocardiogram, and morphometric analyses. Data are expressed as mean ± SD or medians (including the lower quartile and upper quartile). There were no differences in the tail systolic pressure among the groups (C = 116 ± 27 mmHg, ETS = 129 ± 17 mmHg, ETS-AR = 139 ± 19 mmHg; p = 0,102). ETS showed higher normalized left ventricular diastolic (C = 18,42 ± 3,57 mm/kg, ETS = 23 ± 1,85 mm/kg, ETS-AR = 19,51 ± 0,99 mm/kg; p = 0,001) and systolic (C = 8,25 ± 2,16 mm/kg, ETS = 11,53 ± 1,31 mm/kg, ETS-AR = 8,25 ± 0,71mm/kg; p = <0,001) diameters than C and ETS-AR. On the other hand, there were no differences between C and ETS-RA. LVWT/LVEDD was higher in C than ETS (C = 0,20 (0,18-0,23), ETS = 0,15 (0,14-0,18), ETS-RA = 0,19 (0,17-0,22; p = 0,030). The ejection fraction (C = 0,91 ± 0,02, ETS = 0,87 ± 0,03, ETS-AR = 0,92 ± 0,03; p = 0,003) and fractional shortening (C = 55,77 ± 4,41 %, ETS = 49,73 ± 4,43 %, ETS-AR = 57,60 ± 5,15 %; p = 0,005) were higher in C and ETS-RA animals than ETS animals. On the other hand, there were no differences between C and ETS-RA. Also, smoking was associated with significantly increased myocyte cross-sectional area (C = 294 ± 21 μm2, ETS = 347 ± 44 μm2, ETS-RA = 310 ± 37 μm2; p = 0,016). On the other hand, there were no differences between C and ETS-RA. Retinoic acid did not affect other functional or morphological variables. In conclusion, ...(Complete abstract click electronic access below)en
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.format.extent50 f.
dc.identifier.aleph000578542
dc.identifier.capes33004064020P0
dc.identifier.citationOLIVEIRA, Lucienne da Cruz. Influência da suplementação de ácido retinóico no processo de remodelação cardíaca induzida pela exposição à fumaça do cigarro em ratos. 2009. 50 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Medicina de Botucatu, 2009.
dc.identifier.fileoliveira_lc_me_botfm.pdf
dc.identifier.lattes5016839015394547
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/92168
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.sourceAleph
dc.subjectCardiologiapt
dc.subjectFumo - Efeito fisiologicopt
dc.subjectClinica medicapt
dc.subjectRetinoic aciden
dc.titleInfluência da suplementação de ácido retinóico no processo de remodelação cardíaca induzida pela exposição à fumaça do cigarro em ratospt
dc.typeDissertação de mestrado
unesp.advisor.lattes5016839015394547
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Medicina, Botucatupt
unesp.graduateProgramFisiopatologia em Clínica Médica - FMBpt
unesp.knowledgeAreaFisiopatologia em clínica médicapt

Arquivos

Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
oliveira_lc_me_botfm.pdf
Tamanho:
215.11 KB
Formato:
Adobe Portable Document Format