Taba, histórias e músicas brasileiras: MPB para o público infantil em tempos de redemocratização (1982 a 1986)

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2023-11-28

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Esta pesquisa analisa a contribuição da música na coleção Taba, histórias e músicas brasileiras, publicada de 1982 a 1986 pela Editora Abril Cultural. O projeto reúne 56 intelectuais e artistas em quarenta fascículos, acompanhados por discos compactos com o áudio da literatura infantojuvenil e a trilha sonora composta com fonogramas originais da MPB e versões inéditas do cancioneiro folclórico. A dissertação propõe investigar de que maneira a música, no contexto da coleção, mobiliza a memória afetiva dos pais da década de 1980, veteranos ouvintes da música popular brasileira e aproxima as crianças da construção de valores éticos e estéticos caros à defesa da democracia. A coleção revela um elo geracional entre pais e filhos, sustentado pelas heranças de uma instituição sociocultural, a MPB, e pelas adaptações para o universo lúdico das ideias em circulação na década 1970, momento de expansão da indústria fonográfica. O projeto editorial da Taba contém o horizonte de expectativa dos adultos de formar um ser social, a criança, a partir das afinidades entre memória afetiva, tradição e o conceito de liberdade, elementos representados pelo cancioneiro escolhido para dialogar com a literatura. O texto está organizado em três capítulos: O Presente, com os assuntos relativos ao objeto de estudo, O Passado, com os acontecimentos históricos ligados à frente ampla de resistência e oposição ao regime militar e à expansão do mercado fonográfico no Brasil, e, finalmente, O Futuro, com a análise da trilha sonora de quatro fascículos escolhidos como amostragem das diferentes décadas, nas quais os fonogramas originais da MPB que integram a coleção foram lançados.
This research analyzes the contribution of music in the Taba collection, Brazilian stories and music, published from 1982 to 1986 by Editora Abril Cultural. The project brings together 56 intellectuals and artists in forty installments, accompanied by compact discs containing audio recordings of children's and youth literature and a soundtrack composed of original MPB (Brazilian Popular Music) phonograms and unpublished versions of folk songs. The dissertation aims to investigate how music, in the context of the collection, evokes the emotional memory of parents from the1980s, who are seasoned listeners of Brazilian popular music, and brings children closer to the construction of ethical and aesthetic values important for the defense of democracy. The collection reveals a generational link between parents and children, sustained by the legacies of a socio-cultural institution, MPB, and by adaptations to the playful world of ideas circulating in the 1970s, a period of expansion in the phonographic industry. The editorial project of Taba encompasses the expectation of adults to shape a social being, the child, through the affinities between emotional memory, tradition, and the concept of freedom, elements represented by the chosen songbook to engage with literature. The text is organized into three chapters: The Present, dealing with topics related to the subject of study; The Past, covering historical events related to the broad front of resistance and opposition to the military regime and the expansion of the phonographic market in Brazil; and finally, The Future, analyzing the soundtrack of four installments chosen as a sample of the different decades in which the original MPB phonograms that are part of the collection were released.

Descrição

Palavras-chave

Coleção Taba, MPB, Redemocratização, Elo Geracional, Estratos de Temporalidade

Como citar

COSTA, Camila Lordy. Taba, histórias e músicas brasileiras: MPB para o público infantil em tempos de redemocratização (1982 a 1986). Orientadora: Tânia da Costa Garcia. 2023. 111 f. Dissertação (Mestrado em Historia) – Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Franca, 2023.