A pluralidade narrativa do cinema e a crítica negligente: estudo de caso : anticristo e melancolia, de Lars Von Trier

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2013

Autores

Moraes, Guilherme Augusto Silva de [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

The cinematographic language is notedly plural and heterogeneous. There are many filmic elements that “narrate” all the time, in different ways. Besides enumerating some of them, this study seeks to analyse if the criticism is attentive to all of these tools or if it sticks only to some of them. It’s also reflects if this activity uses more objectives or subjectives aspects as basis for its conclusions. Here, a very specific field was chosen: the study is done by a comparative analysis of the reception of Brazilian’s and European’s criticism from two Lars Von Trier’s films, Antichrist and Melancholia. After explaining how the narrative elements are used in the cinema, it’s demonstrated that, in general, the criticism is negligent and does not analyze all of those tools. In some cases, the analysis of some elements is done in a superficial way, so others aspects can be highlighted
A linguagem cinematográfica é notadamente plural e heterogênea. São muitos os elementos fílmicos que narram o tempo todo, de diferentes formas. Além de enumerar alguns deles, este trabalho busca analisar se a crítica especializada está atenta a todas essas ferramentas ou atém-se apenas a algumas delas. Também busca refletir se esta atividade utiliza mais aspectos objetivos ou subjetivos como base em suas conclusões. Aqui, optou-se por um recorte bem específico: o estudo é feito através da análise comparativa da recepção das críticas brasileira e europeia de dois filmes do cineasta dinamarquês Lars Von Trier, Anticristo e Melancolia. Depois de explicar como os elementos narrativos são empregados no cinema, é demonstrado que, em geral, a crítica é negligente e não analisa todas essas ferramentas. Em alguns casos, a análise de alguns dos elementos é feita de forma superficial para que outros sejam destacados

Descrição

Palavras-chave

Filmes estrangeiros, Linguagem cinematografica, Critica cinematografica, Cinema e literatura, Anticristo, Melancolia, Foreign films

Como citar

MORAES, Guilherme Augusto Silva de. A pluralidade narrativa do cinema e a crítica negligente: estudo de caso : anticristo e melancolia, de Lars Von Trier. 2013. . Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharel em Comunicação Social – Habilitação em Jornalismo) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação, 2013.