Reação de porta-enxertos comerciais de tomateiro a Meloidogyne mayaguensis

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2009-09-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Grupo Paulista de Fitopatologia

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

O objetivo do presente trabalho foi verificar a resistência ao nematóide Meloidogyne mayaguensis em oito porta-enxertos de tomateiro considerados resistentes à Meloidogyne incognita, M. javanica e M. arenaria, comercializados no Brasil. Os porta-enxertos testados foram: 'Guardião', 'Helper-M', 'Anchor-T', 'Dr. K', 'Kagemuscha', 'TMA 809', 'Magnet' e 'He-Man'. O experimento constou de 9 tratamentos (8 porta-enxertos e a cultivar Rutgers utilizada como padrão de suscetibilidade), com 6 repetições, sendo cada parcela constituída por 1 planta por vaso, mantidas em casa de vegetação. As plantas foram inoculadas com 5.000 ovos e eventuais juvenis infectantes de M. mayaguensis. O experimento seguiu o delineamento inteiramente casualizado. Aos 60 dias da inoculação procederam-se as avaliações, quando foram avaliados os índices de galhas e massas de ovos, número de nematóides no solo e na raiz, peso do sistema radicular e o fator de reprodução. Todos os porta-enxertos estudados demonstraram-se suscetíveis a M. mayaguensis.

Resumo (inglês)

The objective of this research was to verify the resistance response of eight Brazilian commercial tomato rootstocks to the nematode Meloidogyne mayaguensis. The studied rootstocks were: 'Guardião', 'Helper-M', 'Anchor-T', 'Dr. K', 'Kagemuscha', 'TMA 809', 'Magnet' and 'He-Man'. The experiment consisted of 9 treatments (8 rootstocks and 'Rutgers' used as susceptible control), with 6 replication. Each plot was constituted by 1 plant per pot, maintained in green-house. The plants were inoculated with 5,000 eggs and second stage juvenile of M. mayaguensis. The experimental design was completely randomized. The evaluation was 60 days after inoculation, when the root weight, gall and egg mass index, nematode number in soil and in root and reproduction factor were evaluated. All studied rootstocks were susceptible to M. mayaguensis.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Summa Phytopathologica. Grupo Paulista de Fitopatologia, v. 35, n. 3, p. 216-218, 2009.

Itens relacionados

Financiadores