Efeito de dose reduzida de somatotropina bovina recombinante associada a protocolos de superovulação na fertilidade de embriões transferidos para receptoras em lactação

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2014-11-25

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

O objetivo do presente estudo foi avaliar se aplicação de dose reduzida de bST (333mg), associada ao protocolo de superovulação de doadoras não lactantes, aumenta a produção de embriões e a manutenção de gestação após transferência para receptoras em lactação. Um total de 267 doadoras foram submetidas ao protocolo de superovulação, e subdivididas em 3 grupos: CONT (grupo controle = não tratados com bST), bST/IA (grupo recebeu uma dose de bST no dia da IA) e bST/InIA (grupo recebeu duas doses de bST, uma no início de protocolo e outra no dia da IA). A coleta não cirúrgica dos embriões foi realizada 6,5 dias após a inseminação. Os embriões frescos foram transferidos para receptoras lactantes previamente sincronizadas. Os diagnósticos de gestação foram realizados no d30 e d60. A concentração sérica de IGF1 nas doadoras no dia da coleta de embriões foi maior (p<0,01) para os grupos bST/IA (306,4 ± 13,0 ng/mL) e bST/InIA (307,3 ± 12,4 ng/mL) em relação ao CONT (195,8 ±13,3 ng/mL). A aplicação de bST no momento da IA aumentou a proporção de embriões transferíveis por coleta (69,9%), em relação ao controle (54,7%) e aos animais que receberam duas doses de bST (55,8%), resultando em 3,4±0,6 embriões por coleta no grupo controle, 4,7±0,6 embriões por coleta no grupo tratado com duas doses e 6,0±0,6 no grupo tratado com uma dose na IA. O tratamento com bST na IA aumentou o número de blastocistos recuperados por coleta (3,0±0,4) em relação ao controle (1,6±0,4), enquanto o grupo que recebeu duas aplicações de bST tendeu de aumentar o numero de blastocistos (2,6 ±0,4) em relação ao controle. A prenhez aos 60 dias foi 25,6%, 30% e 28,6% para os grupos CONT, bST/IA e bST/InIA respectivamente. Foi detectada interação entre tratamento e o estágio de desenvolvimento do embrião na prenhez por TE, em que blastocistos dos grupos tratados com bST ...
The objective of this study was evaluate if a low-dose of bST (333mg), associated with the superovulation protocol of non-lactating donors, would increases the embryo production and pregnancy maintenance after transfer to lactating recipients. For this, 267 donors were subjected to the superovulation protocol and subdivided into 3 groups: CONT (control group = no bST), bST/IA (group received one dose of bST at AI) and bST/INIA (group received two doses of bST, one at the beginning protocol and another at AI). Non-surgical collection of embryos occurred 6.5 days after insemination. The fresh embryos were transferred to previously synchronized lactating recipients. The pregnancy diagnoses were performed at d30 and d60. The The donors IGF1 serum concentration at embryo recovery day was higher (p <0.01) for bST/IA groups (306.4 ± 13.0 ng / mL) and bST/INIA (307.3 ± 12 4 ng / ml) compared to the CONT (195.8 ± 13.3 ng / ml). The bST application at AI increased proportion of transferable embryos per collection (69.9%), when compared with the control (54.7%) and with the animals that received two doses of somatotropin (55.8%) resulting 3.4 ± 0.6 embryos per collection in the control group, 4.7 ± 0.6 embryos per collection in two doses group and 6.0 ± 0.6 in the one dose at IA group. Treatment with bST at AI increased the number of blastocysts recovered by collection (3.0 ± 0.4) compared to control (1.6 ± 0.4), while the group that received two bST applications tended to increase number of blastocysts (2.6 ± 0.4) compared to the control. Pregnancy at 60 days was 25.6%, 30% and 28.6% for the CONT group, bST/AI and bST/INIA respectively. Was detected interaction between treatment and embryo development stage in pregnancy by ET, when blastocysts in the bST treated groups had higher P/ET at 60 days compared to the control group blastocysts, while morulae of the treated groups had lower P/ET that morulae ...

Descrição

Palavras-chave

Somatotropina bovina, Bovino - Transferência de embriões, Transferência de embriões, Bovino de leite, Embryo transplantation

Como citar

GUIDA, Thiago Guzella. Efeito de dose reduzida de somatotropina bovina recombinante associada a protocolos de superovulação na fertilidade de embriões transferidos para receptoras em lactação. 2014. ix, 49 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Campus de Botucatu, 2014.