Avaliação do Doppler Transcraniano no Atendimento Agudo do Acidente Vascular Cerebral Isquêmico

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2018-02-23

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

INTRODUÇÃO Em todo o mundo, o acidente vascular cerebral isquêmico (AVCI) é considerado importante causa de morte e incapacidade. O Doppler Transcraniano (DTC) é um método de baixo risco, portátil, e de elevada acurácia na determinação do diagnóstico de estenoses ou oclusões intracranianas. O impacto do uso do DTC na fase aguda do AVCI bem como suas relações com exames de neuroimagem permanecem em investigação e constituem assunto de grande relevância. OBJETIVO Este estudo pretende avaliar a correlação clínica das características hemodinâmicas ao DTC e o subtipo de AVCI segundo a classificação de Bamford; também tem objetivo de verificar a correlação entre a extensão / volume da lesão isquêmica com o perfil hemodinâmico do território arterial envolvido. MATERIAL E MÉTODOS Pacientes com diagnóstico de AVCI em fase aguda foram submetidos ao DTC na admissão. As características clínicas, hemodinâmicas e o terrítorio arterial comprometido foram analisados. Os eventos vasculares foram categorizados segundo a classificação clínica de Bamford para AVC agudo e o desfecho clínico com a escala de Rankim modificada (mRs). Os exames de tomografia computadorizada (TC) obtidos durante a fase aguda foram analisados de forma qualitativa e quantitativa. A volumetria semi-automática da área isquêmica foi realizada. Em seguida, as imagens segmentadas e as TCs foram normalizadas. A normalização e segmentação da substância branca e cinzenta foi realizada de forma automática utilizando a metodologia de morfometria baseada em voxel. Duas formas de análise foram realizadas: a correlação entre as lesões e os resultados dos exames de DTC; a análise de correlação entre mapas de substância branca e cinzenta e o DTC. RESULTADOS: Foram avaliados 27 pacientes, 60% sexo masculino, média de idade 64.3 ± 12 anos, média NIHSS entrada 11,2 ± 8 (1-23), sendo que 10 (37%) receberam trombólise com alteplase, com sonotrombólise em 3 deles e 2 com trombectomia com solitaire. A janela acústica foi desfavorável para realização de DTC em 5 (18%). Dos exames realizados, 14 (51%) estavam alterados. As alterações hemodinâmicas no DTC foram observadas em todos os pacientes com a síndrome de circulação anterior total (TACS), em 45% dos com a síndrome de circulação anterior parcial (PACS) e em 75% dos com a síndrome posterior (POCS). A investigação por neuroimagem revelou que a velocidade média e o índice de pulsatilidade (IP) da artéria cerebral média podem estar correlacionados com lesões em diferentes áreas cerebrais. O IP foi o parâmetro hemodinâmico que mais se correlacionou com as alterações na neuroimagem. CONCLUSÃO Na correlação clínica com alterações hemodinâmicas no DTC, o subtipo segundo a classificação de Bamford de AVCI que mais se correlacionou foi a Síndrome de Circulação Anterior Total (TACS) (100%) seguido pela Síndrome de Circulação Anterior Parcial (PACS) (45%) . O índice de pulsatilidade foi o parâmetro hemodinâmico que mais se correlacionou com as lesões na neuroimagem. O comportamento deste parâmetro variou de acordo com a região afetada.
INTRODUCTION Across the world, ischemic stroke is considered important cause of death and disability. Transcranial Doppler (TCD) is a low-risk, portable, and highly accurate method for the determination of intracranial stenosis or occlusive pathologies. The impact of the use of TCD in the acute phase of stroke as well as its relations with neuroimaging examinations remain under investigation and are of great relevance. OBJECTIVE This study intends to evaluate the clinical correlation of the hemodynamic characteristics to the DTC and the subtype of AVCI according to the classification of Bamford; also aims to verify the correlation between the extent / volume of the ischemic lesion and the hemodynamic profile of the arterial territory involved. MATERIAL AND METHODS Patients diagnosed with stroke in the acute phase were submitted to TCD in the admission. The clinical, hemodynamic and cerebral artery territory infarct characteristics were analyzed. Vascular events were categorized according to the Bamford Classification of Stroke and the clinical outcome with the Modified Rankin Scale (mRs). Computed tomography (CT) examinations obtained during the acute phase stroke were analyzed qualitatively and quantitatively. The semi-automatic volumetry of the ischemic area was performed. Then, the segmented images and CTs were normalized. The normalization and segmentation of the white and gray matter was performed automatically using the voxel-based morphometry methodology. Two forms of analysis were performed: the correlation between the lesions and the results of the TCD; the correlation analysis between white and gray matter maps and the TCD. RESULTS: Twenty-seven patients were evaluated, 60% male, mean age 64.3 ± 12 years, mean NIHSS admission 11.2 ± 8 (1-23), 10 (37%) receiving intravenous thrombolysis, sonothrombolysis in 3 and 2 with Solitaire Stent Thrombectomy. The acoustic window was unfavorable for performing TCD in 5 (18%). Of the exams performed, 14 (51%) were altered. Hemodynamic changes in TCD were observed in all patients with Total Anterior Circulation Syndrome (TACS), in 45% of with partial anterior circulation syndrome (PACS), and in 75% of with posterior syndrome (POCS). Neuroimaging research has revealed that the mean velocity and pulsatility index (PI) of the middle cerebral artery may be correlated with lesions in different brain areas. The PI was the hemodynamic parameter that most correlated with changes in neuroimaging. CONCLUSION In the clinical correlation with hemodynamic changes in the TCD, the subtype according to the classification of Bamford that most correlated was the Total Anterior Circulation Syndrome (TACS) (100%) followed by the Partial Anterior Circulation Syndrome (PACS) (45%). The pulsatility index was the hemodynamic parameter that most correlated with neuroimaging lesions. The behavior of this parameter varied according to the affected region.

Descrição

Palavras-chave

acidente vascular cerebral isquêmico, doppler transcraniano, trombólise

Como citar