Avaliação: meio para intervenção pedagógica na formação do professor de língua estrangeira e (re)construção da sala de aula

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2011-12-02

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Esta tese apresenta um estudo longitudinal de pesquisa aplicada, qualitativo-interpretativista, inserida no projeto “Exame de Proficiência para Professores de Língua Estrangeira (EPPLE): definição de construto, tarefas e parâmetros para avaliação em contextos brasileiros” (UNESP, DLEM, 2008-2011). Investigo, por meio da aplicação do piloto de um teste oral, o TEPOLI (Teste de Proficiência Oral em Língua Inglesa), a problemática da proficiência oral de alunos de Inglês como Língua Estrangeira (ILE) em um curso de Licenciatura em Letras de uma faculdade particular do interior do estado de São Paulo, em período noturno, durante quatro anos. Com vistas a melhorar a deficitária formação do futuro professor de ILE, principalmente em relação à proficiência oral em língua inglesa (POLI), o teste oral foi aplicado para alunos do 2° ao 4° ano, a fim de: 1) caracterizar a POLI desses alunos; 2) estabelecer critérios para a POLI diante das expectativas profissionais específicas para o contexto brasileiro; e 3) através do efeito retroativo do teste, discutir e reculturar expectativas, crenças e culturas de ensino/aprendizagem e de avaliação e, ainda, aprimorar a POLI desses alunos, na aprendizagem durante o referido curso, ao retomar os desvios linguísticos detectados pelo TEPOLI. A análise dos dados, coletados por meio de gravações de aulas e dos testes orais em vídeo, ambos transcritos, de sessões de visionamento e reflexivas, além de conversas informais e questionários, revelou discrepâncias existentes entre as expectativas do aluno em relação ao ensino de ILE (cultura de aprender) e o que o professor espera desse aluno (cultura de ensinar), e consequentes problemas na formação da competência linguística, principalmente no que tange à POLI dos alunos. Os testes também foram compilados em um...
This thesis presents a longitudinal study of applied research, based on qualitative-interpretive strategies, as part of the project “EPPLE - EFL Teachers’ Language Proficiency Examination (LPT-EFLT)”: definition of construct, tasks and patterns for assessment in Brazilian contexts.” (UNESP, DLEM, 2008-2011). By using a pilot version of an oral test, labeled as TEPOLI (Test of Oral Proficiency in English), it aims at investigating the problems concerning English as Foreign Language (EFL) students’ oral proficiency in a context of evening classes in a private English Language and Literature undergraduate course (henceforth Letters course) in the northern region of the state of Sao Paulo, in Brazil, from its first to its fourth year. Looking forward to improving the future EFL teachers’ profile, concerning specially their oral proficiency in the English language (OPEL), the test was taken by students of the Letters course, from the second to the fourth year of the university course, in order to: 1) analyse students’ OPEL; 2) establish criteria for OPEL according to specific professional expectations in Brazilian contexts; and 3) through the washback effect of a test, discuss and reculture expectations, beliefs and teaching-learning cultures, as well as improve students’ OPEL during the learning process by returning to linguistic deviations detected by the TEPOLI test. The analysis of all data collected by means of class recordings and videos of the oral tests, all of which were transcribed, reflexive vision sessions, informal conversations and questionnaires, reveals discrepancies between the student’s expectations about the students’ learning culture and the teacher’s expectations about the students (teaching culture) and... (Complete abstract click electronic access below)

Descrição

Palavras-chave

Língua inglesa - Estudo e ensino, Língua inglesa - Formação de professores, Professores de ingles, Lingua inglesa - Exames, Proficiência oral, Foreign language, Teacher development

Como citar

DIAS, Élen. Avaliação: meio para intervenção pedagógica na formação do professor de língua estrangeira e (re)construção da sala de aula. 2011. 278 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas, 2011.