Factor structure of the inventory of adult temperament styles

Imagem de Miniatura

Data

2014

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Curso de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Resumo

Temperament refers to stylistic and relatively stable traits that subsume intrinsic tendencies to act and react in somewhat predictable ways to people, events, and stimuli. Temperament can be defined by four bipolar styles: extroversion-introversion, practical-imaginative, thinking-feeling, and organized-flexible. These four styles provide the theoretical structure for the group administered Inventory of Adult Temperament Styles (IATS).Validity evidences are reported on 853 middle class adults (43% female), ages 15 through 54 (M = 26.5, SD = 8.6), who were studying at universities or working in Sao Paulo state (Brazil). The degree items are consistent with the four temperament styles was examined through item response theory and confirmatory factor analysis. Results confirm the proposed theoretical structure. Invariance testing suggests that scores reflecting temperament styles have similar meanings for men and women. Implications as well as future directions for research are discussed.
O temperamento compreende estilos e traços relativamente estáveis que representam tendências para agir e reagir de formas previsíveis frente aos acontecimentos, pessoas ou estímulos. O temperamento pode ser definido por quatro estilos bipolares: extroversão-introversão, prático-imaginativo, pensamento-sentimento, organizado-flexível. Estes quatro estilos compuseram a estrutura teórica do Inventory of Adult Temperament Styles (IATS). As evidências de validade do IATS foram investigadas em uma amostra de 853 adultos (43% mulheres), idades entre 25-54 (M=26, DP=8,6), estudando ou trabalhando no estado de São Paulo. A adequação dos itens em relação aos quatro estilos de temperamento foi examinada através da teoria de resposta ao item e da análise fatorial confirmatória. Os resultados confirmaram a estrutura teórica proposta. O teste da invariância indicou que os estilos de temperamento observados possuem significados semelhantes para homens e mulheres. Implicações e sugestões para futuras pesquisas são discutidas.

Descrição

Palavras-chave

Assessment, type, styles, temperament, personality, Avaliação, tipo, estilos, temperamento, personalidade

Como citar

Psicologia: Reflexão e Crítica. Curso de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, v. 27, n. 4, p. 720-727, 2014.

Coleções