Amostragem sequencial de sementes de soja e feijão na detecção de Sclerotinia sclerotiorum

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2014-02-10

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Tendo em vista a elevação de áreas produtoras de sementes de feijão e de soja infectadas por Sclerotinia sclerotiorum e a recomendação do cumprimento do nível de tolerância zero para este agente patogênico na comercialização de sementes, o trabalho teve por o objetivo verificar a eficiência de um plano de amostragem sequencial para sementes de feijão e da soja, na detectação de S. sclerotiorum. Deste modo, primeiramente foi avaliada a heterogeneidade das amostras dos lotes dos cultivares de para as cultivares de feijão, cultivares Pérola (sementes C1), Pérola (“sementes salvas”) e Bolinha (“sementes salvas”), e de soja, cultivar IAC-Foscarin (sementes C1) pelos testes dos valores H e R e, concomitantemente verificada a qualidade fisiológica e sanitária utilizando-se métodos descritos pelas Regras para Análise de Sementes (BRASIL, 2009). Para testar a presença ou ausência do patógeno foi realizada a verificação da distribuição do mesmo através do modelo binomial positivo, utilizando-se para este fim, o número de sementes infectadas naturalmente e recuperadas pelos testes Neon-S e Rolo de Papel. A eficiência do teste Neon-S, foi obtida para diferentes níveis de infecção (1:100, 1:200, …,1:1000), variando-se a proporção de 1 a 10 sementes por porção fixa analisada. Para a caracterização das amostras, a análise estatística para cada teste foi feita, em delineamento inteiramente casualizado, com quatro repetições. Os dados obtidos foram submetidos à análise de variância e as médias dos tratamentos foram comparadas pelo teste de Tukey (P ≤ 0,05) de probabilidade. O plano de amostragem sequencial foi aplicado variando-se o tamanho da...
Given the elevation of producing areas of bean seeds and infected by Sclerotinia sclerotiorum and soybean recommendation of compliance with level zero tolerance for this pathogen in the marketing of seeds, the study was aimed to verify the efficiency of a plan sequential sampling for seed beans and soybeans in S. sclerotiorum detection list. Thus, first the heterogeneity of samples of lots of cultivars to cultivars of beans, Perola (seeds C1 ), Perola ( saved seed ) and Bolinha ( saved seed ), and soybean was evaluated, IAC - Foscarin (seeds C1) for values tests of H and R, concomitantly observed physiological and sanitary quality using methods described in the Rules for Seed Analysis (BRAZIL, 2009). To test for the presence or absence of the pathogen to check the distribution thereof was performed using the positive binomial model, using for this purpose the number of seed naturally infected and recovered by Neon-S and Roll Paper tests. The efficiency of Neon- S test was obtained for different levels of infection (1:100 , 1:200 , ..., 1:1000), varying the ratio 1 to 10 seeds per flat portion analyzed. For the characterization of samples, statistical analysis for each test was taken in a completely randomized design with four replications. Data were subjected to analysis of variance and the treatment means were compared by Tukey test (P ≤ 0,05) probability. The sequential sampling method was applied by varying the sample size from 100 to 1000 seeds at intervals of 100 seeds for different cultivars analyzed. The sampling sequence of beans seeds and soybean for detection of Sclerotinia sclerotiorum in the mycelial form was efficient, since 800 and 1.000 seeds are evaluated considering incidences of 0,01 and 0,005 % , respectively. Methods Neon-S and Roll Paper tests were sensitive in the detection of Sclerotinia sclerotiorum mycelial seed and soya beans.

Descrição

Palavras-chave

Sclerotinia sclerotiorum, Feijão - Sementes, Soja - Sementes, Fungos - Culturas e meios de cultura

Como citar

BALLARIS, Alessandra de Lourdes. Amostragem sequencial de sementes de soja e feijão na detecção de Sclerotinia sclerotiorum. 2014. xi, 77 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, 2014.