Ensino de ecoico, tato e mando: uma revisão bibliográfica dos artigos do Journal of Applied Behavior Analysis (JABA)

Nenhuma Miniatura disponível

Data

2014

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso restrito

Resumo

Resumo (inglês)

The rehabilitation process of hearing-impaired and implanted children indicates difficulties and some necessary conditions for the establishment of vocals echoic, tact and mand responses. In this context, a bibliographical review over instruction procedures of operants echoic, tact and mand was made in the periodical JABA’s database in three phases: Initial search over the period of 1968 to 2012, identifying 306 articles; selection of the abstracts about the target operants’ teaching procedures, with 45 selected; and reading and analyzing of the selected studies. Tact and mand were the target operants in 80% of the studies, and echoic was a prerequisite in 70% of the studies; 10 articles reported teaching of more than one verbal operant target individually, or with transference control procedures. Only two studies focused on hearing-impaired participants, suggesting investment on studies about vocal expressive establishment conditions within this population.

Resumo (português)

A reabilitação de crianças com deficiência auditiva e implante coclear registra a necessidade da elucidação das condições necessárias para estabelecimento de repertórios como ecoico, tato e mando vocais, ainda que repertórios receptivos sejam estabelecidos rapidamente e com muito sucesso. Neste contexto foi desenvolvida uma revisão bibliográfica sobre o ensino desses operantes verbais na base de dados do periódico JABA em três fases: levantamento inicial entre 1968 e 2012 que identificou 306 artigos; seleção dos resumos que ensinavam os operantes-alvos, com 45 artigos; e leitura e análise dos artigos selecionados. Tato e mando foram tomados como operante-alvo em 80% dos artigos e o ecoico apareceu como pré-requisito em 70%; dez artigos ensinaram mais de um operante isoladamente ou por procedimentos de transferência de controle de estímulos. Apenas dois artigos relatavam estudos com deficientes auditivos sugerindo investimento no estudo operante das condições em que a fala expressiva é estabelecida nesta população.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Revista Brasileira de Terapia Comportamental e Cognitiva, v. 16, n. 2, p. 109-124, 2014.

Itens relacionados