Vibração de plantas de pimenta Malagueta para produção de frutos e sementes em ambiente protegido

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2015

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (inglês)

This study aimed to verify the effect of vibration of plants in the production of fruits and seeds and in the physiological quality of the seeds of the “Malagueta” pepper in a protected cultivated area with open and closed sides. The experiment was conducted at the Experimental Farm of the School of Agronomic Sciences of Universidade Estadual Paulista (FCA/UNESP), located in the city of São Manuel (SP). Two treatments were carried out, which consisted of plants that did and did not undergo vibration. Plants were vibrated manually by swinging the wire attached to the supporting bamboo for about 5 seconds, twice a day for 11 weeks. The design was a randomized block with six repetitions. The same experiment was conducted in two protected environments, with and without anti-aphids screens on the sides, cultivated in the same season. For the comparison of environments, a combined analysis was performed considering each environment as a separate experiment. The characteristics evaluated were: weight and number of fruits per plant; weight, diameter and length of fruit; weight and amount of seeds per fruit; and plant height. For the analysis of seed quality, the characteristics evaluated were: germination percentage; first count of germination; dry matter of seedlings; seedling emergence in substrate; and seedling emergence speed index. Regardless of the environment, vibration affects the physiological quality of seeds. The presence of pollinator insects benefited the production and quality of “Malagueta” pepper seeds and increases the fruit weight.

Resumo (português)

Objetivou-se verificar o efeito da vibração de plantas na produção de frutos e sementes e na qualidade fisiológica de sementes de pimenta “Malagueta”, em cultivo protegido, com laterais abertas e fechadas. O experimento foi realizado na Fazenda Experimental da Faculdade de Ciências Agronômicas da Universidade Estadual Paulista (FCA/UNESP), município de São Manuel (SP). Foram dois tratamentos, que consistiram em plantas com e sem vibração. As plantas foram vibradas manualmente, balançando-se o arame onde se prendia a taquara por cerca de 5 segundos, duas vezes por dia, durante 11 semanas. O delineamento foi em blocos, ao acaso, com seis repetições. O mesmo experimento foi realizado em dois ambientes protegidos, com e sem tela antiafídeos nas laterais, cultivados na mesma época. Para comparar os ambientes, realizou-se análise conjunta, considerando cada ambiente como um experimento. As características avaliadas foram: massa e número de frutos por planta; massa, diâmetro e comprimento de fruto; massa e número de sementes por fruto; e altura de planta. Para análise de qualidade das sementes, determinou-se: porcentagem de germinação; primeira contagem de germinação; matéria seca de plântula; emergência de plântulas em substrato; e índice de velocidade de emergência de plântulas. Independentemente do ambiente de cultivo, a vibração prejudica a qualidade fisiológica das sementes. A presença de insetos polinizadores beneficia a produção e a qualidade de sementes de pimenta ‘Malagueta’ e aumenta a massa do fruto.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Agro@mbiente On-line, v. 9, n. 1, p. 57-64, 2015.

Itens relacionados

Financiadores