Alterações morfo-fisiológicas em plantas de pimentão sob deficiência hídrica

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2002-07-05

Orientador

Klar, Antonio Evaldo

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Irrigação e Drenagem) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Tese de doutorado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Este trabalho foi desenvolvido no ano agrícola 1999-2000, em casa de vegetação, no departamento de Engenharia Rural da Faculdade de Ciências Agronômicas - UNESP, campus de Botucatu, SP. Tendo como objetivo principal estudar o efeito de diferentes manejos da água de irrigação sobre características morfológicas, fisiológicas e bioquímicas das plantas de pimentão. Utilizou-se a cultivar de pimentão híbrido Elisa, por um período de 230 dias após o transplante das mudas (DAT). O trabalho foi composto por dois experimentos: I) aplicação dos manejos da irrigação a 50 kPa e 1500 kPa, com e sem a presença de cobertura de polietileno preto sobre a superfície do solo, para o período de 29 a 168 DAT. Utilizou-se o delineamento experimental inteiramente casualizado com seis repetições, e II) aplicação de deficiência hídrica severa no solo, através da suspensão das irrigações e retirada da cobertura de polietileno do solo, no período de 169 a 230 DAT. Concluiu-se que a utilização da cobertura de polietileno preto reduziu as perdas de água por evaporação direta através da superfície do solo, entretanto, sua influência foi reduzida na medida em que diminuiu o conteúdo de água do solo. A cultura apresentou a maior produção com o manejo da irrigação a 50 kPa, independente da utilização de cobertura sobre o solo. O manejo da irrigação a 1500 kPa, afetou a qualidade da produção através da diminuição das dimensões e do peso dos frutos...

Resumo (inglês)

This work was developed in the agricultural year of 1999-2000 in the Rural Engineering Department of Faculdade de Ciências Agronômicas – UNESP at Botucatu campus, São Paulo. The main objective was to evaluate the influence of different irrigation water management in the behavior of morphological, physiological and biochemical characteristics of sweet pepper plants. The cultivation of Elisa hybrid sweet pepper was developed during a period of 230 days after the transplant of the seedlings (DAT). The work was divided into too experiment: i) application of the irrigation water management at 50 kPa and 1500 kPa with and without the presence of black polyethylene covering over the soil, between 29 and 168 DAT. The randomized experimental design was used with six replications, and ii) severe water deficit in the soil through the suspension of the irrigations and the removing of the black polyethylene covering over the soil (169 to 230 DAT)...(Complete abstract, click electronic access below)

Descrição

Idioma

Português

Como citar

JADOSKI, Sidnei Osmar. Alterações morfo-fisiológicas em plantas de pimentão sob deficiência hídrica. 2002. x, 126 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas, 2002.

Financiadores