Desigualdade de distribuição de renda por sexo no Estado de São Paulo entre 2005 e 2015

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2019

Autores

Leme, Paula Wielewski [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

O objetivo dessa pesquisa é analisar a evolução da desigualdade da distribuição de renda por sexo no estado de São Paulo para os anos de 2005 e 2015, a partir da decomposição de Oaxaca-Blinder e da decomposição no tempo proposta por Smith e Welch (1989), procurando identificar o papel dos atributos produtivos na desigualdade salarial, assim como a participação da discriminação. Para obter esses resultados foram utilizados dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) para os respectivos anos, manuseados com o auxílio do software IBM SPSS Statistics. O tema se mostra muito atual e importante, pois aponta que as mulheres possuem uma posição desfavorável no mercado de trabalho, mesmo para o estado de São Paulo, a maior economia do Brasil. Estudar esse fenômeno é relevante na tentativa de identificar quais variáveis contribuem para isso e de que forma se encontraria soluções no futuro para resolver. Através da pesquisa, observa-se que entre os anos estudados houve uma redução da desigualdade salarial entre os sexos, permanecendo ainda um componente associado a fatores produtivos. A parcela não explicada, associada a fatores e atributos omitidos ou não mensuráveis, bem como à discriminação pura, representa a maior parcela do diferencial não explicado. Assim, as mulheres obtiveram uma conquista em relação aos fatores produtivos, aproximando-se mais dos homens, ainda que exista essa parcela da discriminação e da constante que afeta para os rendimentos inferiores femininos.
The objective of this research is to analyze the evolution of the inequality of income distribution by sex in the state of São Paulo for the years 2005 and 2015, using the Oaxaca Blinder decomposition and the time decomposition proposed by Smith and Welch (1989), seeking to identify the role of productive attributes in wage inequality, as well as the participation of discrimination. To obtain these results, we used data from the Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) for the respective years, handled with the help of the IBM SPSS Statistics software. The theme is very current and important because it points out that women have an unfavorable position in the labor market, even for the state of São Paulo, the largest economy in Brazil. Studying this phenomenon is relevant in an attempt to identify which variables contribute to this and how future solutions could be found to solve. Through the research, it is observed that between the years studied there was a reduction in the gender pay gap, remaining a component associated with productive factors. The unexplained portion, associated with omitted or unmeasurable factors and attributes, as well as pure discrimination, represents the largest portion of the unexplained differential. Thus, women achieved a conquest in relation to productive factors, getting closer to men, even though there is this part of discrimination and the constant that affects lower women's incomes

Descrição

Palavras-chave

Desigualdade salarial, Distribuição de renda, Decomposição Oaxaca-Blinder, Wage inequality, Income distribution, Oaxaca-Blinder decomposition

Como citar