Conhecimento pedagógico do conteúdo sobre a natureza da ciência na formação continuada de professores

Imagem de Miniatura

Data

2023-12-11

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Pesquisas apontam que professores e futuros professores possuem concepções ingênuas sobre a Natureza da Ciência (NdC), influenciando o modo como seus alunos a percebem. Isso pode estar relacionado ao fato de que muitos desses profissionais não tiveram contato com esse tipo de conhecimento em sua formação inicial ou continuada, apresentando dificuldades em criar e implementar situações de ensino e de aprendizagem que possibilitem reflexões mais abrangentes sobre a NdC em sala de aula. Nesse contexto, esta pesquisa verificou os conhecimentos mobilizados por professores da área de Ciências da Natureza que contribuem para a formação do seu conhecimento pedagógico do conteúdo sobre a Natureza da Ciência (PCK sobre a NdC) durante um curso de formação continuada em parceria com a Diretoria de Ensino de Guaratinguetá (São Paulo). Desse modo, foi realizada uma pesquisa empírica que coletou dados a partir de uma intervenção em um curso de formação continuada, que teve por base um conjunto de atividades pedagógicas realizadas semanalmente no período de sete semanas, de forma síncrona e assíncrona. As principais etapas de coleta de dados da pesquisa foram: identificação das percepções iniciais dos professores sobre a NdC, por meio de um questionário; registros em vídeo da gravação dos encontros síncronos; atividades realizadas nos encontros assíncronos; observação da prática pedagógica de dois professores participantes em sala de aula. Os dados foram analisados por meio da Análise Textual Discursiva, fundamentados nas categorias sobre o conhecimento pedagógico do conteúdo, sendo elas: o conhecimento sobre a NdC, o conhecimento pedagógico geral, o conhecimento do contexto, o conhecimento dos alunos, o conhecimento do currículo, o conhecimento de materiais e estratégias instrucionais e o conhecimento da avaliação. Foi possível verificar que o conhecimento com mais influência no PCK sobre a NdC dos participantes é o conhecimento pedagógico geral, pois é reflexo da vivência e da experiência do professor em sala de aula e abarca seus valores e crenças sobre o ensino. Além disso, os professores que apresentaram sólido conhecimento de aspectos da NdC estabeleceram mais conexão entre as diferentes bases de conhecimento que formam o PCK, contribuindo para práticas pedagógicas que articulam o currículo com a abordagem de aspectos da NdC de modo explícito e reflexivo, demonstrando PCK sobre a NdC mais robusto. Já aqueles que tiveram baixa mobilização dos conhecimentos sobre a NdC e realizaram menos conexões entre as bases de conhecimentos foram os que apresentaram dificuldade em elaborar propostas que efetivamente discutiam a NdC em sala de aula.
Research indicates that teachers and future teachers hold naive conceptions about the Nature of Science (NOS), influencing how their students perceive it. This may be related to the fact that many of these professionals have not been exposed to this type of knowledge in their initial or continuing training, resulting in difficulties in creating and implementing teaching and learning situations that enable more comprehensive reflections about NOS in the classroom. In this context, this research examined the knowledge mobilized by teachers in the field of Natural Sciences that contribute to the formation of their pedagogical content knowledge about the Nature of Science (PCK about NOS) during a continuing education course in partnership with the Diretoria de Ensino de Guaratinguetá (São Paulo). In this manner, was conducted an empirical research, collecting data through an intervention in a continuing education course, which was grounded in a set of pedagogical activities carried out weekly over a seven-week period, both synchronously and asynchronously. The main data collection stages of the research included: identifying teachers' initial perceptions of NOS through a questionnaire; video recordings of synchronous meetings; activities conducted during asynchronous meetings; observation of the pedagogical practice of two participating teachers in the classroom. The data were analyzed using Discourse Textual Analysis, based on categories of pedagogical content knowledge, which include: knowledge about NOS, general pedagogical knowledge, context knowledge, knowledge of students, knowledge of the curriculum, knowledge of materials and instructional strategies, and knowledge of assessment. It was possible to observe that the knowledge with the greatest influence on participants' PCK about NOS is general pedagogical knowledge, as it reflects the teacher's lived experience in the classroom, encompassing their values and beliefs about teaching. Additionally, those teachers who demonstrated a solid understanding of NOS aspects established stronger connections between the various knowledge bases that constitute PCK, thereby contributing to pedagogical practices that explicitly and reflectively integrate the curriculum with an approach to NOS aspects, demonstrating a more robust PCK about NOS. Conversely, individuals who had limited mobilization of NOS knowledge and made fewer connections between knowledge bases encountered challenges in effectively fostering discussions about NOS in the classroom.

Descrição

Palavras-chave

Natureza da ciência, Formação continuada de professores, Conhecimento pedagógico do conteúdo, Nature of science, Teachers training, Pedagogical content knowledge

Como citar

DINIZ, Natália de Paiva. Conhecimento pedagógico do conteúdo sobre a natureza da ciência na formação continuada de professores. 2023. 345 f. Tese (Doutorado em Educação para a Ciência) - Faculdade de Ciências, Universidade Estadual Paulista, Bauru, 2023.