Percepção do cliente quanto ao cuidado de enfermagem no período pós-operatório

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2010-02-05

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Este estudo teve como objetivo conhecer as orientações pós-operatórias fornecidas pela equipe de enfermagem a pacientes e/ou familiares de uma instituição privada e apreender a percepção destes indivíduos acerca das orientações recebidas. Foi um estudo transversal, com abordagem qualitativa, que utilizou o referencial teórico da Comunicação Interpessoal e o referencial metodológico da Análise de Conteúdo. Foram entrevistados 16 pacientes submetidos a procedimentos cirúrgicos eletivos, de urgência e/ou emergência que permaneceram, no mínimo, 3 dias internados. Os resultados evidenciaram que a equipe de enfermagem se preocupa com as técnicas instrumentais da profissão em si desconsiderando o indivíduo de forma holística, ou seja, além das necessidades físicas, as emocionais e espirituais. Também foi possível perceber que, quando o profissional enfermeiro permanece afastado do paciente e/ou não presta informações adequadas gera sentimentos de ansiedade, medo, insegurança e sensação de falta de cuidado. Por outro lado, quando a equipe de enfermagem se fez presente com cuidado e informações coerentes, os clientes relataram a sensação de ser bem cuidado. As conclusões deste estudo nos permitem considerar que a competência em comunicação é uma condição para o exercício da Enfermagem com qualidade e cidadania, que a capacitação em comunicação prepara a equipe de enfermagem para serem os profissionais exigidos pelos clientes do sistema de saúde e, finalmente, que a comunicação é um alicerce importante para que a relação de cuidado se estabeleça de forma efetiva e eficaz, proporcionando a compreensão do cliente em sua complexidade, com resultados qualitativos de atenção, dignidade e respeito ao ser cuidado.
This study aims to identify the guidelines provided by the nursing team of a private institution to patients and family as well as learn with their perception of the aid received. It consists of a cross-sectional study with qualitative approach based on a theoretical reference of Interpersonal Communication and methodological reference of Content Analysis. 16 patients underwent elective surgical procedures of emergency and remained in the hospital for at least 3 days. Results showed that the nursing team is concerned about the instrumental techniques of the job disregarding the patient as a holistic individual, that is, besides their physical, emotional and spiritual needs. When the nurses stayed away from patients and did not provide appropriate guidelines which caused anxiety, fear and feeling of neglect. On the other hand, when nurses were present providing coherent care and assistance, patients reported to feel well cared. This study concluded that communicative competence is an essential condition for nurses to offer qualified assistance. Good communicative skills enable the nursing team to be the professionals required by the patients of the health system and are fundamental to provide effective care, resulting in the patients’ comprehension that are assisted with attention, dignity and respect.

Descrição

Palavras-chave

Cuidados em enfermagem, Pós-operatório, Communication, Nursing care, Postoperative stage

Como citar

RAZERA, Ana Paula Ribeiro. Percepção do cliente quanto ao cuidado de enfermagem no período pós-operatório. 2010. 93 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Medicina de Botucatu, 2010.