Acompanhamento laboratorial da função renal de cães sadios tratados experimentalmente com doses terapêuticas de anfotericina B

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2006-12-01

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

Resumo

O presente trabalho objetivou avaliar a função renal de dez cães adultos saudáveis submetidos à administração de doses terapêuticas do antifúngico anfotericina B, cuja utilização tem sido limitada pelo seu elevado potencial nefrotóxico, e avaliar o método laboratorial mais sensível e precoce de diagnóstico de lesão renal. Foram realizadas, diariamente, urinálise, excreção fracionada de sódio e potássio, dosagem sérica de creatinina e uréia e atividade urinária de gama-glutamiltransferase (GGT). Concluiu-se que a anfotericina B provoca lesões nos túbulos proximal e distal, induzindo acidose tubular renal do tipo I e Diabetes insipidus nefrogênico em cães. Avaliação da função renal, preferencialmente por dosagens de creatinina, uréia e potássio séricos, é recomendada antes de cada aplicação do fármaco. A densidade urinária foi o parâmetro mais precocemente alterado pela lesão renal. A GGT urinária não foi eficaz para o diagnóstico precoce de lesão induzida por anfotericina B.
The objective of this experiment was to assess the renal function of ten healthy male adult dogs submitted to therapeutic doses of amphotericin B, whose use has been limited due to its high nephrotoxic potential, as well as to evaluate the more sensitive and early method to diagnose kidney lesions. The renal function was evaluated through daily urinalysis, fractioned excretion of sodium and potassium, serum concentration of creatinine and blood urea nitrogen (BUN) and urinary activity of gamma-glutamyltransferase (GGT). It was concluded that amphotericin b provokes lesions in both proximal and distal tubules, inducing type I renal tubular acidosis and nephrogenic Diabetes insipidus in dogs. Renal function evaluation, preferably by serum creatinine, BUN and potassium dosage is recommended before each drug application. Urinalysis proved to diagnose kidney lesions in its earliest stage through a modification of the density parameters. Urinary GGT was not effective as an earliest diagnose kidney lesions caused by amphotericin B.

Descrição

Palavras-chave

anfotericina B, função renal, gama-glutamiltransferase urinária, excreção fracionada, cães, amphotericin B, kidney function, urinary gamma-glutamyltransferase, fractioned excretion, dogs

Como citar

Ciência Rural. Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), v. 36, n. 6, p. 1816-1823, 2006.