O clima urbano de Rancharia (SP)

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2015-05-29

Autores

Teixeira, Danielle Cardozo Frasca [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Urban environmental problems are increasingly associated with the transformation of landscapes, which is seen in the decrease of environmental quality and quality of life on the part of city dwellers. Even small and mid-sized cities are subject to alterations, especially those referring to the atmospheric environment. Besides that, small and mid-sized cities have been adding quantitative representation in the setting of Brazilian de-metropolization (SANTOS, 1991). Thus, the intention is to analyze the urban environmental quality of Rancharia, a small city in the state of São Paulo, with the urban climate as the main reference, especially the thermal-hygrometric field based on the theoretical proposal by Monteiro (1976), and also adapting to the methodological proposals by Mendonça (1994) and Amorim (2000). Rancharia is a small city, a tourist resort town that attracts tourists and water sport enthusiasts. For this study, the delimited subsystem is thermodynamic, perceived by the thermal comfort canal with direct impacts on human performance. The characterization of the urban soil use and occupation standards will be done first, differentiating types of use and identifying the occurrence of green areas by obtaining satellite images and from field studies. Then, data collection of temperature and relative humidity is projected in urban areas, rural areas and the area surrounding the water resort based on fixed weather stations and mobile transects on representative days in the winter and summer...
Os problemas ambientais urbanos estão cada vez mais associados à transformação da paisagem, o que pode refletir na diminuição da qualidade ambiental e da qualidade de vida de parte dos citadinos. Mesmo as cidades de pequeno e médio porte estão sujeitas a alterações, especialmente àquelas que se referem ao ambiente atmosférico. Desta forma, pretendeu-se analisar o clima urbano de Rancharia (SP) como um importante indicador da qualidade ambiental em cidade de pequeno porte do interior do Estado de São Paulo, tendo como principal referência, o campo térmico-higrométrico, baseado na proposta teórica de Monteiro (1976), adaptando-se também as propostas metodológicas de Mendonça (1994) e Amorim (2000). Rancharia é uma cidade de pequeno porte, estância turística, cujo balneário atrai turistas e praticantes de esportes náuticos. Para o presente estudo o subsistema delimitado foi o termodinâmico, percebido pelo canal do conforto térmico com efeitos diretos no desempenho humano. Inicialmente foi feita a caracterização do padrão de uso e ocupação da terra urbana, diferenciando os tipos de uso e identificando a ocorrência de áreas verdes a partir da obtenção de imagens de satélite e trabalhos de campo. Posteriormente foram realizadas as coletas de dados de temperatura e umidade relativa nas áreas urbana, rural e do entorno do balneário, a partir de estações meteorológicas fixas e do transecto móvel em dias representativos do inverno e do verão. Destaca-se que um dos pontos de coleta foi fixado nas proximidades da orla do balneário, para a comparação desse ambiente com dados da área urbana e da área rural...

Descrição

Palavras-chave

Geografia, Climatologia geográfica, Cidades e vilas - Clima, Planejamento urbano, Qualidade ambiental, Rancharia (SP) - Condições ambientais, Geography

Como citar

TEIXEIRA, Danielle Cardozo Frasca. O clima urbano de Rancharia (SP). 2015. xxii, 217 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências e Tecnologia, 2015.