A interface da arte e do bem-estar na promoção da saúde na terceira idade

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2014-02-25

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

The artistic manifestations may contribute to health promotion, encouraging expression of feelings, sensations and perceptions because of the release of stiffness and imprisonments that manifest as disease. The present study, conducted with elderly, in Botucatu / SP, aimed to develop and validate a theoretical model representing the experiences of these elderly people with art, lifelong, enabling the understanding of experiences with art, and its contribution for the state of personal and collective well-being to influence Public Health Policies, supporting the effective exercise of this practice in promoting physical and mental health. Data were collected through unstructured type of focused and recorded on digital system interviews. 07 persons aged 60 years and over were interviewed. The methodological framework used was the Grounded Theory and Symbolic Interactionisn theoretical framework. Analysis of the data revealed three phenomena: THE ARTISTIC BACKGROUND TO FINDING A FAVORABLE; DEVELOPING EMOTIONS THROUGH ART, ART AS A TRANSFORMER ELEMENT
As manifestações artísticas podem contribuir para a promoção da saúde, favorecendo a expressão de sentimentos, sensações e percepções, pois ajudam a libertar-nos da rigidez e dos aprisionamentos que se manifestam como doenças. O presente estudo, realizado com idosos, no município de Botucatu/SP, teve como objetivo desenvolver e validar um modelo teórico representativo sobre as experiências desses idosos com a Arte, ao longo da vida, possibilitando a compreensão dessas experiências, e sua contribuição para o estado do bem estar pessoal e coletivo, visando influenciar Políticas Públicas de Saúde , subsidiando o efetivo exercício dessa prática na promoção da saúde física e mental. Os dados foram colhidos por meio de entrevistas não estruturadas, do tipo focalizadas e gravadas em sistema digital. Foram entrevistadas 07 pessoas de 60 anos e mais. O referencial metodológico usado foi a Grounded Theory e o referencial teórico o Interacionismo Simbólico. Da análise dos dados emergiram três fenômenos: O FAZER ARTÍSTICO ACONTECENDO NUM CONTEXTO FAVORÁVEL; A ARTE AMPLIANDO SENTIDOS E DESENVOLVENDO EMOÇÕES; A ARTE COMO ELEMENTO TRANSFORMADOR

Descrição

Palavras-chave

Idosos na arte, Experiencia de vida, Interacionismo simbolico, Serviços de promoção da saude, Assistencia a velhice, Bem-estar social, Older people in art, Health promotion services

Como citar

VASQUES, Márcia Camargo Penteado Corrêa Fernandes. A interface da arte e do bem-estar na promoção da saúde na terceira idade. 2014. 133 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Medicina de Botucatu, 2014.