Própolis no desempenho produtivo de juvenis de pacú criados em tanque rede e arraçoados com baixa e alta frequência alimentar

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2010-07-13

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

O cultivo intensivo de peixes em tanque-rede pode induzir ao estresse fisiológico, promovendo queda de desempenho do animal e da imunocompetencia. A utilização de imunoestimulantes, como a própolis, pode melhorar a imunidade inata dos animais e fornecer resistência a patogenos durante períodos de estresse elevado. Os objetivos deste trabalho foram avaliar o efeito da própolis em juvenis de pacu, criados em tanques-rede e arraçoados com baixas e altas frequências alimentares, por meio do desempenho produtivo e das enzimas intestinais. Foram utilizados juvenis de pacu (Piaractus mesopotamicus), distribuídos em 18 tanques-rede com estocagem de 90 alevinos/m3 com peso médio inicial de 27,57±7,21 g. Foram utilizados três níveis de própolis incorporada na ração comercial, nos seguintes tratamentos: 0,0; 1,0 e 10,0 g de própolis/kg de ração, fornecidas em duas frequências alimentares: quatro e 24 vezes ao dia em um delineamento fatorial (3x2) e com taxa de alimentação de 7,0%. Os resultados foram analisados por ANOVA, seguida do teste de Tukey para comparação de médias. A suplementação de própolis na dieta melhorou o ganho de peso dos animais, na frequência alimentar de 24 vezes ao dia. Entretanto, quando a frequência alimentar foi menor os níveis de própolis não melhoraram o ganho de peso
Intensive fish farming in net cages can lead to physiological stress, thus impairing animal performance and resistance to diseases. The use of immunostimulants, such as propolis, can bring benefits mainly in the initial phases of the culture. This work aimed at evaluating the effect of propolis in juveniles of Pacu, reared in net cages and fed high and low feeding frequencies, by analyzing their performance and digestive enzmes. Pacus were distributed in 18 cages with 90 fish/m3 and 27.57±7.21 g. Three levels of propolis were added in fish diet (0.0; 1.0 and 10.0g/kg) supplied in two feeding frequencies (four and 24/day) in a factorial arrangement (3x2) and a feeding rate corresponding to 7% of fish weight. Results were analyzed by ANOVA and Tukey test comparison of averages.Fish diet with propolis with a feeding frequency of 24 times a day resulted in improved weight gain

Descrição

Palavras-chave

Própole, Pacu (Peixe), Desempenho, Pacu, Propolis, Feeding frequency

Como citar

AGOSTINHO, Lucas Miyabara. Própolis no desempenho produtivo de juvenis de pacú criados em tanque rede e arraçoados com baixa e alta frequência alimentar. 2010. iii, 31 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia de Botucatu, 2010.