Antimicrobial peptides as additives to beef cattle nutrition

dc.contributor.advisorVicente, Eduardo Festozo
dc.contributor.authorSilveira, Raiza Felismino [UNESP]
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.date.accessioned2022-03-08T12:25:09Z
dc.date.available2022-03-08T12:25:09Z
dc.date.issued2021-12-16
dc.description.abstractAntimicrobial peptides (AMPs), identified in recent years from several species of vertebrate and invertebrate animals, have been receiving attention as a possible substitute for feed additives currently used for animals. One of these molecules, extracted from a frog from the Brazilian Cerrado, proved to be a promising antibiotic molecule due to its biological activity against fungi and bacteria. The Ctx(Ile21)-Ha peptide and its ent-Ctx(Ile21)-Ha isomer proved to be capable of permeabilizing and destroying bacterial membranes and, therefore, have become the focus of studies for the nutrition of beef cattle aiming at reducing of Gram-positive bacteria, since their unspecific mode of action (targets cell membranes) hinder the process of bacterial resistance. Aiming to evaluate the effects of the application of Ctx(Ile21)-Ha and its ent-Ctx(Ile21)-Ha isomer for beef cattle kept under grazing system in comparison with conventional additives used in animal feed, four in vitro studies were conducted with different substrates combined with monensin and virginiamycin additives and doses of antimicrobial peptides. pH, gas production, methane production, short-chain fatty acid profile and rate of dry matter and neutral detergent fiber disappearance were evaluated. AMPs reduced gas production. Methane production, in general, was significantly affected by the interaction between substrate and additive. Furthermore, the disappearance rate was not significantly affected by the use of AMPs. The production of short-chain fatty acids showed significant differences, with the acid profile in treatments with AMPs similar to those with monensin. Intermediate levels of AMP ent-Ctx(Ile21)-Ha showed a reduction in the emission of gases and methane, without compromising the use of dry matter and neutral detergent fiber, showing that the reduction of gases was not due to the reduction in use of nutrients by microorganisms. Complementary studies should be conducted to better understand the mode of action and effects of adding AMPs to ruminants’ diet.pt
dc.description.abstractPeptídeos antimicrobianos (AMPs), identificados nos últimos anos em diversas espécies de animais vertebrados e invertebrados, vêm recebendo atenção como um possível substituto para aditivos alimentares atualmente utilizados para animais. Uma dessas moléculas, extraída de um sapo do Cerrado brasileiro, provou ser uma promissora molécula antibiótica devido à sua atividade biológica contra fungos e bactérias. O peptídeo Ctx(Ile21)-Ha e seu isômero ent-Ctx(Ile21)-Ha mostraram-se capazes de permeabilizar e destruir membranas bacterianas e, por isso, tornaram-se foco de estudos para a nutrição de bovinos de corte visando a redução de Gram -bactérias positivas, uma vez que seu modo de ação inespecífico (alvo membranas celulares) dificulta o processo de resistência bacteriana. Com o objetivo de avaliar os efeitos da aplicação de Ctx(Ile21)-Ha e seu isômero ent-Ctx(Ile21)-Ha para bovinos de corte mantidos em sistema de pastejo em comparação com aditivos convencionais utilizados na alimentação animal, foram realizados quatro estudos in vitro com diferentes substratos combinados com aditivos de monensina e virginiamicina e doses de peptídeos antimicrobianos. Foram avaliados pH, produção de gás, produção de metano, perfil de ácidos graxos de cadeia curta e taxa de desaparecimento de matéria seca e fibra em detergente neutro. Os AMPs reduziram a produção de gás. A produção de metano, em geral, foi significativamente afetada pela interação entre substrato e aditivo. Além disso, a taxa de desaparecimento não foi significativamente afetada pelo uso de AMPs. A produção de ácidos graxos de cadeia curta apresentou diferenças significativas, sendo o perfil ácido nos tratamentos com AMPs semelhante aos com monensina. Níveis intermediários de AMP ent-Ctx(Ile21)-Ha apresentaram redução na emissão de gases e metano, sem comprometer o uso de matéria seca e fibra em detergente neutro, mostrando que a redução de gases não se deu pela redução no uso de nutrientes por microorganismos. Estudos complementares devem ser realizados para entender melhor o modo de ação e os efeitos da adição de AMPs à dieta de ruminantes.en
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.identifier.capes33004102002P0
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/217068
dc.language.isoeng
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.subjectAdditivesen
dc.subjectAntibioticsen
dc.subjectAntimicrobial peptidesen
dc.subjectAntimicrobial resistanceen
dc.subjectMonensinen
dc.subjectVirginiamycin.en
dc.titleAntimicrobial peptides as additives to beef cattle nutritionen
dc.title.alternativePeptídeos antimicrobianos como aditivos na nutrição de bovinos de cortept
dc.typeTese de doutorado
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Jaboticabalpt
unesp.embargo12 meses após a data da defesapt
unesp.examinationboard.typeBanca públicapt
unesp.graduateProgramZootecnia - FCAVpt
unesp.knowledgeAreaProdução animalpt
unesp.researchAreaNutrição de Ruminantes.pt

Arquivos

Pacote Original
Agora exibindo 1 - 2 de 2
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
silveira_rf_dr_jabo_par.pdf
Tamanho:
462.76 KB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Descrição:
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
silveira_rf_dr_jabo_int.pdf
Tamanho:
1.3 MB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Descrição:
Licença do Pacote
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
license.txt
Tamanho:
2.96 KB
Formato:
Item-specific license agreed upon to submission
Descrição: