Mastofauna terrestre associada a áreas em processo de restauração na fazenda experimental Edgárdia, Botucatu –SP

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2009-05-13

Orientador

Engel, Vera Lex
Fonseca, Renata Cristina Batista

Coorientador

Pós-graduação

Ciência Florestal - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

A restauração de ecossistemas degradados envolve conhecimentos no que se refere à reconstituição da estrutura do ecossistema e da dinâmica das espécies, tanto vegetais quanto animais. Sabe-se que, no processo de restauração de um ecossistema, as interações ecológicas na comunidade têm um papel fundamental para o aumento de sua complexidade e, conseqüentemente, sua biodiversidade. Este trabalho teve como objetivo geral contribuir para o conhecimento de alguns processos envolvidos na restauração de ecossistemas florestais, no que se refere à associação entre a mastofauna e a vegetação de áreas em restauração. A hipótese testada foi se plantios mistos com espécies nativas podem funcionar como corredores ecológicos para a fauna de mamíferos terrestres de médio e grande porte, e se os fragmentos florestais próximos às áreas de plantio estão contribuindo para a colonização das mesmas por esses animais, mais do que as áreas de pastagem. A amostragem da mastofauna foi feita através do registro de rastros em parcelas de areia utilizando iscas, bem como do uso de armadilhas fotográficas. Foram demarcadas trilhas em dois ambientes de mata nativa, em duas áreas em restauração e em áreas de pastagem, com 30 parcelas de areia (50x50cm) em cada uma (totalizando 180 parcelas), além de 5 armadilhas fotográficas, durante 15 dias consecutivos. Os resultados mostram que as áreas de pastagem apresentaram poucas espécies de mamíferos durante todas as amostragens (2 espécies). As áreas em restauração (plantio misto) apresentaram 6 espécies, sendo esta riqueza mais próxima à dos fragmentos (8 espécies)...

Resumo (inglês)

The restoration of degraded ecosystems involves knowledge of the recovery of ecosystem structures and dynamics of plant and animal species. It is known that in a restoration process, the ecological interactions in the community have an important role in increasing their complexity and, furthermore, their biodiversity. This study aimed to contribute to the knowledge of some processes involved in the restoration of forest ecosystems in relation to interactions between medium and large mammals and the vegetation of these areas. The tested hypothesis was whether plantations with mixed native species may have role as ecological corridors for terrestrial mammals fauna and whether the forest fragments next to the restoration areas are contributing to their colonization by the same species. The sampling for mammals was made through sand plots for footprint records using baits, as well as the use of camera traps. The tracks for each habitat were demarcated in two different sites, in each one inside a native forest fragment, a 10-year old forest restoration experimental areas and a pasture land. We established 30 sand plots (50x50cm) in each habitat and each site (total of 180 plots), and 5 camera traps, during 15 consecutive days. The results showed that the pasture areas recorded only 3 mammal species during all the sampling period. The restoration areas had a species richness (6 species) and community composition closer to the forest fragments (8 species) .There were some variation between rainy and dry seasons, considering the relative abundances and species frequency of occurrence. These results suggest that these... (Complete abstract click electronic access below)

Descrição

Idioma

Português

Como citar

CAES, Beatriz Rosângela Murbach. Mastofauna terrestre associada a áreas em processo de restauração na fazenda experimental Edgárdia, Botucatu –SP. 2009. xiii, 117 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, 2009.

Itens relacionados