Análise do consumo de extato hidrossolúvel de soja na qualidade do tecido ósseo de ratos jovens adultos

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2016-01-18

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

A soja é uma leguminosa rica em proteínas, fonte de cálcio e isoflavonas. Um dos possíveis efeitos das isoflavonas é de reduzir a perda óssea quando há uma deficiência de estrogênio. A proposta desse estudo foi analisar a influência da dieta suplementada com extrato hidrossolúvel de soja (EHS) na massa óssea de ratos adultos jovens de ambos os sexos. Foram utilizados 40 ratos Novergicus Albinus linhagem Wistar adultos jovens e saudáveis, aleatoriamente separados em quatro grupos: macho controle (MC), macho suplementado (MS), fêmea controle (FC) e fêmea suplementada (FS) que permaneceram por 11 semanas em gaiola comum recebendo 500 mL de água e 300g de ração diariamente, os grupos suplementados (MS e FS), ao qual foi oferecido além de água e ração, 500 ml de EHS, durante o mesmo período experimental do controle. O consumo de ração e a ingestão de líquidos foram mensurados, bem como a massa dos animais. Ao final do período os animais foram eutanasiados. Os ossos foram submetidos à densitometria óssea– DXA (osso inteiro e região cortical) e ensaio mecânico, para avaliação da densidade mineral óssea - DMO (g/cm2), Força Máxima (N) e Rigidez (kN/m). Na análise de grau de mineralização foi utilizado as cinzas para quantificar de concentração de cálcio e fósforo. O consumo de EHS provocou diminuição da DMO no grupo MS, porém não houve alteração nas propriedades biomecânicas, força máxima e rigidez. A concentração de cálcio e fósforo nas cinzas dos fêmures do grupo MS foi significantemente menor que o grupo controle. Conclui-se assim, que o extrato hidrossolúvel de soja influenciou negativamente o conteúdo mineral ósseo de ratos machos jovens adultos diminuindo a mineralização, sem alterar as características mecânicas.
Soybeans are a rich legume protein, a source of calcium and isoflavones. One of the possible effects of isoflavones is to reduce bone loss when it was estrogen deficiency. The purpose of this study was to analyze the influence of diet supplemented with soybean’s hydro soluble extract (SHE) in bone mass in young adults rats of both genders. Were used 40 rats Novergicus Albinus Wistar young and healthy, randomly separated into four groups: male control (MC) and female control(FC), which remained for 11 weeks in common cage receiving 500 ml of water and 300 g of feed daily, and the others supplemented groups; male supplemented (MS) and female supplemented, that was offered in addition to water and feed 500ml of SHE. During the experimental period, feed intake and intake of liquids were measured as well as the mass of animals. At the end, the animals were euthanized. The bones underwent bone densitometry – DXA(whole bone and cortical area) and mechanical testing for bone mineral density - BMD (g / cm 2) Maximum Strength (N) and stiffness (kN / m), respectively. To analyze the mineralization degree was used bone ashes to quantify calcium and phosphorus concentration. The consumption of SHE caused decreased of BMD in MS group, but there were no changes in the bone biomechanical properties, maximum strength and rigidity. Concluding that the water extract of soy beans negatively affected the bone mineral content of young adult males rats decreasing the mineralization degree without changing the mechanical characteristics.

Descrição

Palavras-chave

Densitometry, Calcium metabolism disorders, Soybean, Densitometria, Soja, Distúrbios do metabolismo do cálcio

Como citar