Tratamento preventivo e curativo às crianças da zona rural do assentamento Bela Vista

Nenhuma Miniatura disponível

Data

2001

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Considerando que um programa de promoção de saúde não deva ser realizado de forma isolada, pois o estado de saúde geral do indivíduo está diretamente relacionado com sua saúde bucal, esta iniciativa encontra-se dentro de um sistema multidisciplinar, integrando um conjunto de especialidades (Odontopediatria, Clínica Integrada, Medicina Bucal, Endodontia e Emergência, além da presença de enfermagem e médico Pediatra) que procuram promover e manter a saúde da comunidade. Assim, os odontopediatras procuram conhecer, além das alterações dentárias, os problemas de ordem geral das crianças, para que possam quando necessário, encaminhá-las ao setor competente. Os profissionais representam elementos ativos e respeitados, buscando as crianças em seu núcleo familiar para proporcionar, além de uma odontologia curativa, medidas preventivas e educativas básicas. Dentro do programa, além da adequação do meio e tratamento curativo individualizado, realizam-se medidas de caráter coletivo para reduzir a incidência de doenças bucais na população infantil. Desenvolvendo a iniciativa desde 1993 (6 anos), os profissionais procuram adequar e adaptar o programa às novas situações que surgem, assim como às necessidades da comunidade. É desenvolvido com as crianças do Assentamento Bela Vista (Zona Rural da cidade de Araraquara-SP) de acordo com as normas estabelecidas pelo convênio firmado entre a Prefeitura Municipal de Araraquara-SP e a Faculdade de Odontologia de Araraquara-UNESP (FOAr). Além de proporcionar atendimento curativo-preventivo-educativo às crianças do local (atendimento à comunidade), a FOAr desenvolve pesquisa e ensino, levando os alunos do 7o e 8o semestres à desenvolverem trabalho clínico no consultório instalado no local. Para a implementação do projeto, a Prefeitura Municipal proporciona espaço físico (sala do Posto de Saúde local), auxiliar e materiais odontológicos, transporte, técnico para manutenção do equipamento e verba para remuneração dos monitores (estagiários da Disciplina). A FOAr proporciona atendimento (professores, alunos e monitores), equipos, aparelhos de RX, fotopolimerizador, amalgamador e instrumental. A partir do estabelecimento do convênio, os profissionais realizaram levantamento epidemiológico inicial e buscaram a conscientização da comunidade (por meio de promoções e eventos) com relação às necessidades de atendimento odontológico da comunidade infantil. Hoje, a maioria das crianças estão conscientes da importância da promoção e manutenção da saúde geral e bucal, pois participam ativamente do tratamento curativo realizado às terças-feiras pela manhã e as quartas-feiras no período da tarde. Nesta ocasião, após anamnese, exame clínico detalhado e determinação das necessidades individuais de cada criança, realizam-se procedimentos clínicos, dentro dos quais podemos citar escavação em massa, tratamento endodôntico em dentes decíduos e permanentes, restaurações anteriores e posteriores (resinas, cimentos de ionômero de vidro, amálgama, etc.), cirurgias menores, raspagem e polimento dental, além de procedimentos preventivos realizados pelo clínico (selantes, aplicação tópica de flúor, etc.). Freqüentam assiduamente as sessões de motivação e educação às terças-feiras à tarde, quando realizam escovação supervisionada, bochecho com flúor, além de pinturas, desenhos, trabalhos manuais, teatros, músicas, jogos e festas realizadas em datas comemorativas como Páscoa, Festa Junina, Dia das Crianças, Natal e outras (sempre com os temas voltados para a saúde bucal). Às quartas-feiras pela manhã, as crianças da escola local (de 1a a 4a série) recebem aproximadamente 40 minutos de motivação e educação para a saúde através de atividades lúdicas desenvolvidas pelas monitoras. Os professores tomaram ainda a iniciativa de desenvolver projeto para "Promoção de Saúde e Atendimento Precoce", onde visitam todas as casas e lotes do Assentamento proporcionando atendimento odontológico curativo-preventivo para as crianças de 0 a 4 anos de idade e educativo para seu núcleo familiar. Grande melhora observamos na contagem de placa periódica, na diminuição do desenvolvimento de novas lesões de cárie, no aprendizado das crianças com relação a cavidade bucal, suas alterações e como prevení-las, assim como na aquisição de responsabilidade quanto ao desenvolvimento de medidas preventivas. Mesmo diante da abrangência do programa, maior ênfase tem sido dada à prevenção, procurando sempre orientar e motivar as crianças a realizarem de maneira expontânea e consciente, hábitos saudáveis para promoção e manutenção da saúde geral e bucal.

Descrição

Palavras-chave

Como citar