Resistência de goiabeiras e araçazeiros a Meloidogyne mayaguensis

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2009-04-01

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)

Resumo

O objetivo deste trabalho foi identificar espécies de Myrtaceae resistentes a Meloidogyne mayaguensis. Acessos de araçazeiros e goiabeiras da Coleção de Plantas Frutíferas Nativas e Exóticas da Unesp/FCAV e acessos de araçazeiro de fragmentos de matas nativas do Nordeste do Estado de São Paulo e Triângulo Mineiro foram testados quanto à resistência ao nematódeo. As mudas receberam 4.000 ovos e juvenis de segundo estádio de M. mayaguensis por planta e foram conduzidas em casa de vegetação. Aos 150 dias, os genótipos foram avaliados quanto à resistência ao nematódeo com base no fator de reprodução. Três acessos de Psidium e um de Eugenia foram resistentes a M. mayaguensis.
The objective this work was to identify Myrtaceae species resistant to Meloidogyne mayaguensis. Araça and guava accessions obtained from the Collection of Native and Exotic Fruitful Plants of Unesp/FCAV, and accessions of araça plant obtained from native forest fragments located in the northeast region of the São Paulo state and the Triângulo Mineiro region, Minas Gerais state, Brazil, were tested for resistance to M. mayaguensis. The seedlings received 4,000 eggs and second stadium juveniles of M. mayaguensis each and were reared in a greenhouse. After 150 days, the genotypes were evaluated for resistance to the nematode based on the reproduction factor. Three Psidium spp. and one Eugenia accessions were resistant to M. mayaguensis.

Descrição

Palavras-chave

plant diseases, Nematode, Rootstock, doença das plantas, Nematódeo, Porta-enxerto

Como citar

Pesquisa Agropecuária Brasileira. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) Informação TecnológicaPesquisa Agropecuária Brasileira, v. 44, n. 4, p. 421-423, 2009.