A infância no contexto da família patriarcal brasileira e sua representação em 'Menino de engenho', de José Lins do Rego

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2012-12-13

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Autor de um vasto conjunto de obras literárias, José Lins do Rego apresenta em seus romances um estilo espontâneo, natural, e uma linguagem poética com fortes traços da oralidade. É o caso, por exemplo, de Menino de engenho, livro de estreia, publicado em 1932, em que o narrador autodiegético reúne suas recordações de infância, regida pelo signo da perda, e retrata a situação histórico-social da região nordestina dos tempos do patriarcado em decadência. Tendo isso em vista, este trabalho tem como principal objetivo desenvolver um estudo sobre a representação da infância no contexto da família patriarcal no Brasil e verificar em que medida o elemento social presente como tema desempenha papel fundamental na constituição da estrutura narrativa, ou seja, analisar como forma e conteúdo complementam-se ao longo da trama
Author of a wide range of literary texts, José Lins do Rego presents in his novels a spontaneous, natural style, and a poetic language with strong signs of orality. It can be verified, for example, in Menino de engenho, debut book, published in 1932, in which the autodiegetic narrator joins his childhood memories, determined by the sign of loss, and depicts the historical and social situation in the Northeastern region during the period when the patriarchal family was in decline. Therefore, this dissertation objectives to develop a study about the representation of childhood in the context of the patriarchal family in Brazil and to verify how the social element has an important role in the constitution of the narrative structure, in other words, analyzing how literary form and content are different aspects that complement each other along the story

Descrição

Palavras-chave

Rêgo, José Lins do 1901-1957, Modernismo - Brasil, Literatura e sociedade, Infância, Família - Brasil, Patriarcado, Modernism (Literature) - Brazil, Literature and society, Childhood, Family - Brazil, Patriarchy

Como citar

MARQUES, Helton. A infância no contexto da família patriarcal brasileira e sua representação em 'Menino de engenho', de José Lins do Rego. 2012. 131 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Assis, 2012.