Formação continuada de professores na perspectiva histórico-cultural: reflexões a partir de uma experiência na educação infantil

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2009-03-02

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

A presente pesquisa buscou compreender a teoria histórico-cultural e suas contribuições para o processo de formação de professores de educação infantil, tendo como motivador uma experiência de formação continuada com professoras, no período de 1995 a 2004, coordenada por esta pesquisadora. Os dados foram coletados em documentos das professoras intitulados Cadernos de planejamento diário. Neles estão contidos os relatos diários das professoras quanto às atividades propostas para as crianças, categorizadas em atividades lúdicas e produtivas, tarefas escolares e trabalho elementar, analisadas pela sua freqüência; as concepções de infância e criança e ensinar e aprender e as formas de registro e planejamento. Foram buscados os avanços e as insuficiências desse processo, tendo como hipótese que uma fundamentação teórica consistente e coerente acerca do processo de desenvolvimento humano e especificamente infantil constitui um dos aspectos determinantes para promover efetivamente mudanças nas práticas pedagógicas que pretendam desenvolver no ser humano suas máximas possibilidades humanas. Os resultados obtidos apontam para a corroboração da hipótese anunciada e avança na compreensão do condicionamento também dos aspectos objetivos nos processos de formação, denunciando a necessidade de superação do modelo capitalista de sociedade. Pretende contribuir para o planejamento, desenvolvimento e avaliação de processos de formação inicial e continuada de professores comprometidos com o máximo desenvolvimento humano desde a infância.
This research aims to understand the historical-cultural theory approach and its contributions to the early childhood teachers’ education process. It takes as motivation for this understanding a teachers continued education experience that took place between the years of 1995 and 2004, coordinated by the researcher. Data were collected from documents written by the teachers on the planning and daily reports about the activities presented to the children categorized in production and recreational activities, school tasks and basic work. The activities’ frequency was analyzed as well as, the teachers’ concepts of childhood and children, teaching and learning and also the forms of reporting and planning adopted by teachers. The leading hypothesis was that a consistent and coherent theoretical basis about the process of human development is one of the keys to promote effective changes in teaching practices that aim to develop the maximum human potentials. The results show that the hypothesis was correct and advance the understanding about school relationships, denouncing the need to overcome the capitalist society model. It also contributes to the planning, development and evaluation processes of initial and continuing education for teachers committed with the maximum human development. Keywords: Historical-cultural psychology. Teachers’ education. Child development.

Descrição

Palavras-chave

Educação de crianças, Formação continuada de professores, Crianças - Desenvolvimento, Psicologia histórico-cultural, Historical-cultural psychology, Teachers’ education, Child development

Como citar

GAMBA, Lane Mary Faulin. Formação continuada de professores na perspectiva histórico-cultural: reflexões a partir de uma experiência na educação infantil. 2009. 160 p. +. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Filosofia e Ciências, 2009.