Estudo de populações do psilídeo-de-concha Glycaspis brimblecombei (Hemiptera: Psyllidae) e de seu parasitóide Psyllaephagus bliteus (Hymenoptera: Encyrtidae) em floresta de Euclyptus camaldulensis por dois métodos de amostragem

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2005-12-16

Orientador

Wilcken, Carlos Frederico

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Proteção de Plantas) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Tese de doutorado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Os psilídeos são um grupo de pragas amplamente distribuídas, causando perdas consideráveis em sistemas agrícolas e florestais. A recente descoberta da ocorrência do psilídeo-de-concha Glycaspis brimblecombei Moore (Hemiptera: Psyllidae), no Brasil tornou-se um problema de grande importância, por ser específico de Eucalyptus. O parasitóide Psyllaephagus bliteus Riek (Hymenoptera: Encyrtidae) é indicado como principal agente no controle biológico desta praga. Portanto, para o monitoramento adequado de ambas espécies é necessário um método eficiente de amostragem. Devido a sua importância econômica, esse trabalho objetivou estudar as populações de G. brimblecombei e de P. bliteus em floresta de Eucalyptus camaldulensis por dois métodos de amostragem, utilizando armadilhas amarelas e coleta de folhas para determinação de sua distribuição espacial, flutuação populacional, a relação com fatores meteorológicos (temperatura e precipitação), proporção sexual, e correlacionar os métodos de amostragem com ambas populações. A determinação da distribuição espacial, flutuação populacional, proporção sexual e correlação dos métodos de amostragem (53 armadilhas amarelas e 53 ramos/avaliação) foi realizada em um talhão de 19 ha com E. camaldulensis em Luiz Antônio, SP, com 10 avaliações, entre janeiro e junho de 2005. Concluiu-se que as populações de ambas espécies apresentaram distribuição espacial agregada, possue correlação inversamente proporcional à temperatura, independente do método de amostragem; não foi constatado correlação entre ambas espécies e a precipitação pluviométrica, as armadilhas adesivas amarelas são viáveis como método de amostragem e a proporção sexual (macho : fêmea) foi baixa para populações de G. brimblecombei e alta para populações de P. bliteus, sendo coletados mais fêmeas que machos para ambas espécies, no período avaliado.

Resumo (inglês)

Psyllids are a widespread group of pests, causing severe damage on agricultural and forestry systems. The recent discovery about occurrence of red gum lerp psyllid Glycaspis brimblecombei Moore (Hemiptera: Psyllidae), in Brazil is nowadays a great problem in Eucalyptus forests, mainly in E. camaldulensis. The psyllid specific parasitic wasp Psyllaephagus bliteus Riek (Hymenoptera: Encyrtidae) is this pest main biological control agent. Thus, the adequate monitoring of both species by a efficient sampling method would facilitate a future decision making. Due to its economic importance, this study aimed to evaluate G. brimblecombei and P. bliteus populations in Eucalyptus camaldulensis plantation by two sampling methods, using yellow traps and foliage samples to determinate their spatial distribution, population fluctuation with weather interactions (temperature and rainfall) and sexual rate and to correlate sampling methods with both populations. The study of the populational fluctuation, the sexual rate, the spatial distribution and correlation sampling methods (53 traps sampled and 53 branches sampled per sampling dates) was carried out on E. camaldulensis plantations in a 19 ha area in Luiz Antônio municipality (SP, Brazil), between January and June, 2005 (10 sampling dates). This research indicated that population of both species noticed special aggregated distribution, inversely proportional correlation subject to temperature. However between sampling methods, there was no correlation between both species with the rainfall, yellow stick traps were useful as sampling methods, sexual rate (male:female) is low to G. brimblecombei populations and high to P. bliteus populations, have been collected more female than male to both species in the evaluated period.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

FERREIRA FILHO, Pedro José. Estudo de populações do psilídeo-de-concha Glycaspis brimblecombei (Hemiptera: Psyllidae) e de seu parasitóide Psyllaephagus bliteus (Hymenoptera: Encyrtidae) em floresta de Euclyptus camaldulensis por dois métodos de amostragem. 2005. vii, 93 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas, 2005.

Itens relacionados