Processos instáveis

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2015-05-25

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

not available
Inscrita na linha de pesquisa Processos e Procedimentos Artísticos do PPG em Artes da Unesp, esta dissertação apresenta minha produção artística, realizada durante o mestrado - março de 2013 a maio de 2015. Os procedimentos utilizados nos trabalhos da minha produção estão às voltas de um certo raciocínio escultórico, que por sua vez, necessitam de outras linguagens (instalação, fotografia e vídeo) para se materializar. O vocabulário da arquitetura - e de outras áreas correlatas à construção civil - também influenciaram meu processo criativo de forma bastante decisiva, pois além de fazerem parte de um contexto de ação, também inseriram dados fundamentais para a reflexão dos trabalhos que serão discutidos aqui. Devido ao modo de construção desses trabalhos, a instabilidade - e sua consequente tensão (física e/ou psicológica) - se apresenta como característica central e resultante dessas atividades. Portanto, o fio condutor desta dissertação, parte da constatação dessa característica e seus desdobramentos nas diversas linguagens utilizadas, de forma dialética. A partir dessas questões, são feitas algumas aproximações entre os procedimentos utilizados por outros artistas que, de alguma forma, lidaram com problemas semelhantes, e que inseridas na discussão, podem ampliar as questões levantadas, bem como entendê-las melhor em seu contexto. Assim, discuto características muito presentes em minha poética, sem, no entanto, fechá-las em um discurso hermético/teórico.

Descrição

Palavras-chave

Performance (Arte), Arte moderna - Sec. XX, Arte moderna - Séc. XXI, Fotografia, Escultura, Performance art

Como citar

COSTA, Lucas Ribeiro de Melo. Processos instáveis. 2015. 126 f. Dissertação (Mestrado em Artes) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Artes, 2015.