A indústria cultural brasileira: crescimento e influências

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2011

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Este presente trabalho relata primeiramente o nascimento e desenvolvimento da indústria cultural brasileira em seu sentido integral, priorizando seu lado econômico, que se deu basicamente em 1930 com tentativas não tão bem sucedidas, mas que em 1960, com ajuda do governo militar (por interesses claros), se destacou e cresceu grandemente. Da mesma forma, pretendeu abordar aspectos que envolvem o amadurecimento e a estabilização deste mercado de bens no Brasil, de forma a descrever a situação atual, do século XXI, das firmas e empresas que integram esta cadeia que acaba por representar a cultura brasileira, principalmente na análise da qualidade de cada mercado de bens culturais inseridos dentro deste ramo da economia brasileira. Assim sendo, devido à complexidade e a profundidade do tema, esta monografia atreveu-se também a expor situações e fatos que levem o leitor à reflexão das influências que esta indústria causa na própria cultura brasileira, sendo capaz de modificar todo um cenário social, político ou econômico

Descrição

Palavras-chave

Cultura, Industria cultural

Como citar

FACCHINI, Leonardo Dell Antonio. A indústria cultural brasileira: crescimento e influências. 2011. 1 CD-ROM. Trabalho de conclusão de curso (bacharelado - Ciências Econômicas) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências e Letras de Araraquara, 2011.