Educação escolar e a formação da concepção de mundo materialista histórico-dialética: o papel do pensamento teórico e da imaginação

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2020-02-20

Autores

Golshan, Nassim [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Este trabalho se apoia nos fundamentos teórico-metodológicos da Psicologia Histórico-Cultural e da Pedagogia Histórico-Crítica e tem como objetivo elucidar que o desenvolvimento psíquico do pensamento teórico e da imaginação, mediante a educação escolar, impõe-se como uma das condições para a formação da concepção materialista histórico-dialética de mundo. Em face à crise que se observa na educação pública brasileira, é necessário traçarmos o movimento da realidade, conjuntural e estrutural, no pensamento, mediante as funções abstrativas. A partir desse metabolismo entre pensamento e realidade, cabe apresentarmos as premissas pedagógicas e psicológicas, que, por sua vez, permitam mediar o reconhecimento, por parte do aluno, da insuficiência do pensamento empírico para a formação de imagem subjetiva da realidade objetiva, e necessidade de desenvolvimento do pensamento teórico. Em decorrência disso, apontamos a emergência das funções imaginativas que, imbricadas com o pensamento teórico, emoções e sentimentos, possam antecipar no psiquismo a formação de imagem de uma realidade transformada. Nesta dinâmica é que se radica a estrutura da atividade humana teleológica. Diante disso, apontamos a importância da educação escolar no processo de formação das funções superiores do psiquismo, uma vez que elas permitem que o aluno desenvolva sua personalidade à medida que tome posicionamento frente aos embates ideológicos da realidade, a partir do tônus qualitativo que compõe a formação da imagem subjetiva da realidade no psiquismo, papel desempenhado pela concepção de mundo.
This essay is based on the theoretical-methodological foundations of Historical-Cultural Psychology and Historical-Critical Pedagogy and aims to clarify that the psychic development of theoretical thinking and imagination, through scholar education, imposes itself as one of the conditions for the formation of the historical-dialectical materialist conception of the world. In the face of a crisis observed in Brazilian public education, it is necessary to trace the movement of the reality, according to its conjunctural and structural aspects, in thought, through abstract functions. From this metabolism between thought and reality, one must present the pedagogical and psychological premises, which, in turn, mediate the student's recognition of the insufficiency of empirical thinking for the formation of subjective image of objective reality and the need of development of conceptual and theoretical thinking. As a result, one point the emergence of imaginative functions that, intertwined with theoretical thinking, emotions and feelings, can anticipate in the psyche the formation of an image of a transformed reality, which dynamic is rooted in the structure of human teleological activity. Given this, one point out the importance of scholar education for the formation of the higher functions of the psyche, which allow the student to develop his personality as he/she takes a stand against the ideological clashes of reality, from the qualitative tone that composes the formation of the image in the psyche. role played by the conception of the world.

Descrição

Palavras-chave

Psicologia histórico-cultural, Pedagogia histórico-crítica, Concepção de mundo, Pensamento teórico, Imaginação

Como citar