Adição de Astaxantina ao meio de criopreservação de embriões bovinos na técnica de transferência direta

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2023-10-18

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Tendo em vista a grande expansão do mercado de produção in vitro de embriões no Brasil e no mundo é fundamental que pesquisadores busquem cada vez mais inovar na identificação de moléculas e concentrações adequadas para aprimorar e otimizar os protocolos de produção in vitro e criopreservação de embriões. A adição de antioxidantes aos meios contendo embriões pode ser benéfica, melhorando a viabilidade e qualidade embrionária. O presente estudo tem como objetivo testar o uso do antioxidante astaxantina adicionado ao meio de criopreservação de embriões, pela técnica de congelação lenta. Foi realizada a produção in vitro de embriões a partir de oócitos provindos de ovários de animais abatidos em frigorífico. O objetivo do experimento foi eleger a melhor dose de astaxantina adicionada ao meio de congelação para transferência direta, quanto à reexpansão após descongelação e apoptose. Não houve diferença significativa entre os grupos tratados e controle. A adição de astaxantina nas doses de 0,25 ou 1,5 µM ao meio de criopreservação de embriões não aumentou a viabilidade dos embriões pós congelação e não reduziu a apoptose, mantendo-se similar ao grupo controle.
– Due the great expansion of the in vitro embryo production in Brazil and in the world, it is essential that researchers innovate in the identification of molecules and adequate concentrations to improve and optimize in vitro production protocols and embryo cryopreservation. The addition of antioxidants to media containing embryos can be beneficial, improving embryo viability and he use of the antioxidant astaxanthin added to the embryo cryopreservation medium, using the slow freezing technique. The aim of the experiment was to choose the best dose of astaxanthin added to the embryo freezing medium for direct transfer, regarding re-expansion after thawing and apoptosis. There was no significant difference between treated and control groups. The addition of astaxanthin at doses of 0.25 or 1.5 µM to the embryo cryopreservation medium did not increase the viability of the postfreezing embryos and did not reduce apoptosis, remaining similar to the control group.

Descrição

Palavras-chave

Criopreservação, Carotenoides, Antioxidante

Como citar

CARVALHO, A. M. - Adição de Astaxantina ao meio de criopreservação de embriões bovinos na técnica de transferência direta - 2023, 63f - Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) - Universidade Estadual Paulista, Jaboticabal, 2023.