O desenvolvimento de habilidades argumentativas no ensino médio: perspectiva a partir de um minicurso investigativo com base na história da ciência

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2012

Autores

Marcato, Vanessa de Oliveira [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

The performance of investigative activities with lessons in teaching Science and Chemistry has promoted meaningful learning of scientific knowledge. This study aimed to develop the links between higher education for research and skills argumentative, aimed at building the scientific concept on combustion of the candle in a closed container, for students from two classes of 3rd year of high school, two city schools Bauru, São Paulo. We decided to do a short course investigative, to respond argumentative skills which are developed during the minicourse using investigative activities, knowledge from the history and philosophy of science. The results were gathered from analysis of video recordings of episodes of the short course in both the groups, to produce a higher rate of use of argumentative skill, which were classified into categories according to the prior knowledge of the subject, 'factual knowledge' , 'understanding of concepts' and 'reasoning and analysis.' From the information obtained, it was found that both the teachers and the students were consistent in their actions, and that the activity of reasoning is key to learning. Thus, one can realize that knowledge is not acquired all at the same time, each individual depends on the mediation of the teacher in order to reach different design more appropriate teaching and investigative linked with the argument can be the key tool to acquire this knowledge
A realização de aulas com atividades investigativas no ensino de Ciências e Química vem promovendo a aprendizagem significativa do conhecimento científico. O presente trabalho objetivou desenvolver a articulação entre o ensino por investigação e habilidades argumentativas, visando à construção do conceito científico sobre a combustão da vela em recipiente fechado, para os alunos de duas turmas do 3º ano do Ensino Médio, em duas escolas da cidade de Bauru, Estado de São Paulo. Optou-se por realizar um minicurso investigativo, a fim de responder quais habilidades argumentativas são desenvolvidas durante o minicurso investigativo utilizando-se nas atividades, conhecimentos advindos da história e filosofia da ciência. Os resultados foram reunidos a partir da análise de episódios de gravações em vídeo do minicurso em ambas às turmas, que apresentasse maior índice de utilização da habilidade argumentativa, que foram classificados em categorias de acordo com o conhecimento prévio do sujeito: ‘conhecimento de fatos’, ‘compreensão de conceitos’ e ‘raciocínio e análise’. A partir das informações obtidas, foi possível constatar que tanto os professores como os alunos se mostraram coerentes em suas ações, e que a atividade de argumentação é ponto chave para a aprendizagem.Desta forma, pode-se perceber que o conhecimento não é adquirido por todos ao mesmo tempo, cada indivíduo depende da mediação do professor, de forma diferentes para chegar à concepção mais adequada e que o ensino investigativo vinculado com a argumentação pode ser a ferramenta chave para a aquisição deste conhecimento

Descrição

Palavras-chave

Conhecimento e aprendizagem, Aprendizagem por atividades, Quimica, Ciencia - Estudo e ensino, Knowledge and learning

Como citar

MARCATO, Vanessa de Oliveira. O desenvolvimento de habilidades argumentativas no ensino médio: perspectiva a partir de um minicurso investigativo com base na história da ciência. 2012. . Trabalho de Conclusão de Curso (licenciatura - Química) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências, 2012.