The interference of milk production in oocytes recovery rates and conversion in embryos of Gyr and Gyr-crossbred

Nenhuma Miniatura disponível

Data

2018-01-01

Autores

Miquelanti, Victor Henrique
Guaitolini, Carlos Renato de Freitas [UNESP]
Trevisol, Eduardo
Crespilho, André Maciel
Maziero, Rosiara Rosária Dias

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo

This study aimed to evaluate the interaction between milk production and oocyte recovery rate, in vitro embryo production and oocyte-embryo conversion of Gir, Gyrolando 1/2 blood and Gyrolando 5/8 donors. For the study, 150 oocyte donor cows were selected, based on their genetic merit. Of these, 50 Gyr, Gyrolando females (Bos taurus indicus), 60 females Gyrolando 1/2 blood (1/2 Bos taurus taurus x 1/2 Bos taurus indicus) and 40 Girolando 5/8 (5/8 Bos taurus taurus x 3/8 Bos taurus indicus). The Gyr breed presented lower oocyte recovery than the others evaluated (Gyr 17.5 ± 11.3 x Gyrolando 1/2 blood 23.8 ± 15.0 x Gyrolando 5/8 24.8 ± 11.7) (P < 0.05). However, the percentage of blastocyst conversion was higher, although there was no significant difference in the number of embryos produced (Gyr 29.1% x Girolando 1/2 blood 27.7% x Gyrolando 5/8 18.5%) (P > 0.05). There was no interaction between milk production and donor genotype (P > 0.05). However, an increase in oocyte recovery and embryo production was observed, with the progression of the lactation curve in the Gyr and Gyrolando 1/2 blood. Gyrolando 5/8 showed a decrease in oocyte recovery and embryo conversion as milk production increased. Thus, it were concluded that milk production of the matrices did not interfere in oocyte recovery rates, nor in embryo conversion. However, several gaps need to be filled in for a better understanding of reproductive traits, especially crossbred animals.
Este estudo teve por objetivo avaliar a interação entre a produção de leite e a taxa de recuperação oocitária, produção in vitro de embriões e conversão oócito-embrião de doadoras da raça Gir, Girolando 1/2 sangue e Girolando 5/8. Para o estudo foram utilizadas 150 vacas doadoras de oócitos, selecionadas com base em seu mérito genético. Destas, 50 fêmeas da raça Gir (Bos taurus indicus), 60 fêmeas Girolando 1/2 sangue (1/2 Bos taurus taurus x 1/2 Bos taurus indicus) e 40 Girolando 5/8 (5/8 Bos taurus taurus x 3/8 Bos taurus indicus). A raça Gir apresentou recuperação oocitária inferior às demais avaliadas (Gir 17,5 ± 11,3 x Girolando 1/2 sangue 23,8 ± 15,0 x Girolando 5/8 24,8 ± 11,7) (P < 0,05). Porém, o percentual de conversão em blastocistos mostrou ser superior, apesar de não apresentar diferença significativa na quantidade de embriões produzidos (Gir 29,1% x Girolando 1/2 sangue 27,7% x Girolando 5/8 18,5%) (P > 0,05). Não houve interação entre a produção de leite e o genótipo da doadora (P > 0,05). Entretanto, foi observado uma elevação na recuperação de oócitos e produção de embriões, com a progressão da curva de lactação nas raças Gir e Girolando 1/2 sangue. Por outro lado, as Girolando 5/8 apresentaram diminuição na recuperação de oócitos e conversão em embriões conforme aumento da produção leiteira. Assim, concluiu-se que produção de leite das matrizes não interferiu nos índices de recuperação de oócitos, tampouco na conversão em embriões. Entretanto, várias lacunas precisam ser preenchidas para melhor compreensão das características reprodutivas, principalmente de animais cruzados.

Descrição

Palavras-chave

Blastocistos, Blastocyst, Cows, Lactation, Lactação, Oocytes, Oócitos, Vacas

Como citar

Archives of Veterinary Science, v. 23, n. 4, p. 27-36, 2018.

Coleções