Avaliações fisiológicas de sorgo sacarino inoculado com Azospirillum brasilense em função da adubação nitrogenada e reguladores vegetais

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2015-12-22

Orientador

Rodrigues, João Domingos

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Agricultura) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Tese de doutorado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

O sorgo sacarino é uma cultura que vem ganhando destaque na cadeia produtiva da sacarose, contudo, com alto consumo de fertilizantes nitrogenados. No que se refere ao rendimento de sacarose pelo sorgo sacarino pode-se afirmar que alguns fatores ainda devem ser avaliados para aumentar as perspectivas de sucesso, dentre eles o aumento da produtividade e a redução nos custos de produção. Existe interação entre a cultura, elementos biológicos e o manejo, nesse último, a aplicação de mistura de reguladores vem apresentando resultados significativos nos processos metabólicos das plantas, além do aumento da produtividade. Biorreguladores são misturas de reguladores vegetais, que afetam o metabolismo vegetal, cuja ação trará benefícios aos cultivos, melhorando a qualidade e incrementando a produção. A fotossíntese possui relação direta na produtividade das plantas e é um dos processos afetados pelo metabolismo do nitrogênio. A assimilação deste nutriente destaca-se como um dos principais fatores limitantes para produção vegetal. Processos biológicos de fixação de N por organismos procariontes podem tornar os processos produtivos mais eficientes. Neste contexto a bactéria Azospirillum brasilense mostra-se promissora à fornecer nitrogênio e diminuir os custos com fertilizantes nitrogenados. Baseado nos efeitos fisiológicos que os biorreguladores desenvolvem nas plantas, em função do seu modo de ação no metabolismo fotossintético, este trabalho teve por objetivo avaliar as respostas fisiológicas de sorgo sacarino inoculado com Azospirillum brasilense decorrentes da adubação nitrogenada e reguladores vegetais. O experimento constituiu-se de parcelas subdivididas e distribuídas em blocos, ao acaso, com quatro repetições. As subparcelas corresponderam a uma linha na parcela principal, alternadas por uma linha de bordadura. Os tratamentos foram constituídos de níveis de nitrogênio (0, 40, 80, 120 e 160 kg ha-1) nas parcelas principais aos 10 dias após a emergência (DAE) e nas subparcelas níveis do bioestimulante, produto comercial Stimulate® (0, 300, 400, 500 e 600 mL ha-1) aplicado aos 15 DAE, na cultura de sorgo sacarino cultivar BRS 505 da Embrapa, inoculado com Azospirillum brasilense. Avaliou-se as variáveis de trocas gasosas (A, gs, Ci. E) e as variáveis estimadas de EUA, A/Ci e índice SPAD aos 16, 46 e 81 DAE, área foliar aos 70 DAE, massa de matéria seca aos 90 DAE. A colheita foi realizada aos 90 DAE e os colmos foram preparados para a determinação do POL%, AR% e ART kg t-1. A aplicação do biorregulador na dose de 440,7 ml ha-1 apresentou a maior eficiência fotossintética até os 46 DAE. Nas condições experimentais o tratamento com regulador vegetal não apresentou efeito no aumento da produção de açúcar total recuperável. O biorregulador apresentou sinergia com os tratamentos de adubação nitrogenada, ocasionando incremento no desenvolvimento das características fenológicas: área foliar e massa de matéria seca da cultura. Conclui-se que a ação do biorregulador não influenciou na produção de açúcares pela planta, entretanto se mostrou um bom candidato a diminuir os custos na adubação nitrogenada da cultura, por melhorar a eficiência fotossintética tanto em plantas de sorgo sacarino em que o N metabolizado foi oriundo da inoculação com Azospirillum brasilense ou da adubação nitrogenada.

Resumo (inglês)

Sweet sorghum is a prominent culture that has gained in the production chain of sucrose, however, with high consumption of nitrogen fertilizers. As regards income sucrose for sweet sorghum can be said that some factors still need to be evaluated to increase the prospects for success, including increased productivity and reduction in production costs. There is interaction between culture, biological elements and management, in the latter, the application of plant growth regulators has shown significant results in the metabolic processes of plants, and increased productivity. Photosynthesis has direct bearing on the productivity of plants and is one of the processes affected by nitrogen metabolism. The assimilation of this nutrient stands out as one of the main limiting factors for crop production. Biological processes N fixation by prokaryotic organisms can make more efficient production processes. In this context the Azospirillum brasilense bacteria is promising to provide nitrogen and reduce the cost of nitrogen fertilizers. Based on the physiological effects that bioregulators develop the plants, depending on their mode of action in the photosynthetic metabolism, this study aimed to evaluate the physiological responses of sorghum inoculated with Azospirillum brasilense resulting from nitrogen and plant growth regulators fertilization. The experiment consisted of split plots and distributed in blocks at random, with four repetitions. The subplots correspond to a line in the main plot, alternating by a line boundary. The treatments consisted of nitrogen levels (0, 40, 80, 120 e 160 kg ha-1), the main plots at 10 days after emergence (DAE) and the subplots levels bioregulator, commercial product Stimulate® (0, 300, 400, 500 e 600 mL ha-1) applied at 15 DAE, the sorghum crop BRS 505 Embrapa inoculated with Azospirillum brasilense. Were evaluated the variables of gas exchange (A, gs, Ci, E) and the variables estimated efficiency of water use, photosynthetic efficiency and SPAD index at 16, 46 and 81 DAE, leaf area at 70 DAE, dry matter at 90 DAE. Plants were harvested at 90 DAE and the stalks were prepared for the determination of POL% RA% and TRS kg t-1. The application of plant growth regulator at a dose of 440.7 ml ha-1 had the highest photosynthetic efficiency up to 46 DAE. Under the experimental conditions the treatment plant growth regulator has no significant effect on the increase of total recoverable sugar production. The plant growth regulator showed synergy with nitrogen fertilization treatments, leading to increase in the development of phenological characteristics leaf area and dry matter of crop. Concludes that the action of the bioregulators did not influence the production of sugars by the plant, though it showed a good candidate to reduce the costs of nitrogen fertilizer in culture, to improve the photosynthetic efficiency in both sorghum plants in the N metabolized was derived from the inoculation with Azospirillum brasilense and nitrogen fertilization.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Itens relacionados