Contribuição à mudança curricular na graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2004-03-01

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira

Resumo

Descreve-se a inovação pedagógica de dois casos na graduação médica: uma matéria denominada Saúde Coletiva III, com (Administração, Ciências Sociais, Epidemiologia, Ética e Nutrição em Saúde Publica) e a disciplina de Semiologia Pediátrica. Para descrição e avaliação dos casos, utilizaram-se métodos qualitativos. A Saúde Coletiva III foi organizada por núcleos temáticos: Problemas em Saúde Publica; Nutrição em Saúde Publica; Planejamento em Saúde. O modelo de ensino centrou-se na problematização de situações vivenciadas na prática da Saúde Publica, trabalhando-se em centros, serviços e organizações de saúde. A Semiologia Pediátrica privilegiou a atenção integral à saúde da criança. O modelo de ensino centrou-se na aprendizagem baseada em problemas e no aprendizado prático da semiologia pediátrica em diferentes cenários, enfatizando-se o ensino ambulatorial. Privilegiou-se o trabalho em pequenos grupos, com a orientação docente. A principal missão voltou-se à utilização de estratégias que valorizassem o ensino centrado no estudante e sua capacidade de construir conhecimento com autonomia. No caso da Pediatria, avançou-se rumo a Medicina Integral, com enfoque amplo do modelo de atenção à criança. A Saúde Coletiva aproximou-se da Medicina Comunitária problematizando situações concretas no SUS e na atenção primária. O estudo mostra a possibilidade de inovação no ensino, e podendo contribuir para a mudança institucional.
This paper describes the innovations in the discipline of Pediatric Semiology and in a group of disciplines called Public Health III. Two cases were chosen: Public Health III (Administration, Social Sciences, Epidemiology, Ethics and Nutrition in Public Health) and Pediatric Semiology. Qualitative methods were used to describe and evaluate the cases. Public Health covered: Problems in Public Health, Nutrition and Planning in Health. The teaching model was centered on the inquiry of situations routinely experienced in Health Centers and other Health Services. Pediatric Semiology focused on full assistance to children. The teaching model adopted was Problem Based Learning and practical teaching of Pediatric Semiology in different scenarios, mainly in the outpatient department. The main goal was to design and utilize strategies offering a student-centered approach allowing for more independence to build and increase knowledge. As for Pediatrics, the model adopted was Comprehensive Medicine focused on child assistance. As for Public Health the focus was Community Medicine considering the reality captured by the work developed at SUS and primary care centers. This indicated the feasibility of changes in teaching and the possibility of innovating teaching in Medical Schools.

Descrição

Palavras-chave

Educação médica, Aprendizagem Baseada em Problemas, Pediatria, Saúde Pública, Education, medical, Problem-Based Learning, Pediatrics, Public Health

Como citar

Revista Brasileira de Saúde Materno Infantil . Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira, v. 4, n. 1, p. 59-69, 2004.