Reação de híbridos de brócolis 'tipo cabeça única' à podridão negra

Resumo

Conduziu-se simultaneamente dois experimentos, em casa de vegetação, com o objetivo de avaliar a resistência de híbridos de brócolis 'tipo cabeça única' (AF 649, Titleist, Centenário, Green Power, BR068, Magestic Crown, Marathon, Laguna, Legacy, Green Parasol, Packman e Mônaco) à podridão negra, causada por Xanthomonas campestris pv. campestris. Foram utilizados os métodos de inoculação no ápice das folhas por cortes com tesoura embebida na suspensão bacteriana e por ferimento provocado no caule com palito de dente umedecido na suspensão bacteriana. A inoculação foi realizada aos 25 dias após transplante (6 a 8 folhas definitivas). Avaliou-se no experimento de inoculação com tesoura, as áreas abaixo da curva de progresso da doença nas folhas inoculadas. No experimento de inoculação por palito de dente, avaliou-se a proporção de altura necrosada do caule, aos 26 dias após inoculação. Verificou-se que, em ambos os experimentos, o híbrido BRO68 apresentou-se mais suscetível à podridão negra e os híbridos Marathon, Legacy e Green Power foram os que apresentaram os maiores níveis de resistência à podridão negra.
Two experiments were carried out under greenhouse conditions, with the objetive to evaluate the reaction of head single broccoli hybrids (AF 649, Titleist, Centenarian, Green Power, BR 068, Magestic Crown, Marathon, Laguna, Legacy, Green Parasol, Packman and Mônaco) to the black rot, caused by Xanthomonas campestris pv. campestris. For that, plants were inoculated either by cutting the leaf apex with contaminated scissors or by wounding toothpick dipped in an inoculum suspension. The inoculation occurred of 25 days after transplanting (i.e. 6 or 8 definitive leaves). Disease on leaves inoculated by scissor method was evaluated and the area under disease progress curve calculated. In the experiment using contamined toothpick, the percentage of necrosed height of stem was evaluated 26 days after inoculation. It was verified that in both experiments, 'BRO68'was more susceptible, whereas 'Marathon', 'Legacy' and 'Green Power' were more resistant to black rot.

Descrição

Palavras-chave

Xanthomonas campestris pv. campestris, brócolis, podridão negra, Xanthomonas campestris pv. campestris, broccoli, back rot

Como citar

Summa Phytopathologica. Grupo Paulista de Fitopatologia, v. 34, n. 1, p. 76-77, 2008.