Influência do diâmetro e da fase folicular sobre a competência in vitro de oócitos obtidos de novilhas da raça Nelore

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2007-04-01

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Escola de Veterinária

Resumo

Avaliou-se o efeito do diâmetro e da fase do desenvolvimento folicular sobre a competência de oócitos para a produção in vitro de embriões bovinos. A primeira onda folicular foi sincronizada com progestógeno por nove dias e 24 horas após a sua retirada aplicou-se LH. Os ovários foram recuperados 60h (G-60), 96h (G-96) e 108h (G-108) após a ovulação induzida pelo LH. Os folículos foram dissecados ou aspirados e medidos e os oócitos recuperados e submetidos à maturação, fecundação e cultivo in vitro. Os ovários do G-60 apresentaram mais oócitos viáveis (graus I, II e III) (96,6%). A taxa de clivagem teve efeito significativo sobre o diâmetro folicular, sendo maior nos oócitos oriundos de folículos classe 3 (>7mm). Na taxa de produção de blastocisto observou-se interação diâmetro versus fase de desenvolvimento folicular. A taxa de produção de blastocisto foi maior em oócitos obtidos de folículos com diâmetros <5mm (classe 1) no G-60 (64,5%), de 5-7mm (classe 2) no G-96 (33,3%) e >7mm (classe 3) no G-108 (50%). Conclui-se que o diâmetro e a fase de desenvolvimento folicular influenciam a competência oocitária para o desenvolvimento in vitro. Nos estádios iniciais da onda folicular a produção de blastocisto foi maior em oócitos de folículos pequenos; com o avanço da onda, a produção de blastocistos foi maior em oócitos obtidos de folículos maiores.
The effect of follicular phase and follicle diameter on in vitro production of bovine embryos was evaluated. Follicular wave was synchronized in Nelore heifers with a progestogen for nine days and LH was administered 24 hours after progestogen withdrawal. Ovaries were recovered 60h (G-60), 96 h (G-96), or 108 h (G-108) after LH treatment. Ovarian follicles were dissected or aspirated and measured before oocytes were recovered and submitted to in vitro maturation, fertilization, and culture. The G-60 ovaries presented more viable oocyte (degrees I, II and III) (96.6%). Cleavage rate was higher for oocytes from follicles 7mm in diameter (class 3). There was a follicular phase-by-follicle diameter interaction effect on blastocyst production rate. Blastocyst production rates were higher for oocytes from follicles 5mm in diameter (class 1) in the G-60 group (64.5%), from follicles 5-7mm (class 2) in the G-96 group (33.3%), and from follicles 7mm (class 3) in the G-108 group (50%). Both the phase of follicular development and the follicle diameter influenced oocyte competence and ability for development in vitro. At the initial stages of the follicular wave, blastocyst production was higher for oocytes from small follicles. However, as the follicular wave advances, blastocyst production increases for oocytes from larger follicles.

Descrição

Palavras-chave

novilha, Nelore, competência oocitária, blastocisto, divergência folicular, heifer, Nelore, oocyte competence, blastocyst, follicular deviation

Como citar

Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia. Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária, v. 59, n. 2, p. 288-294, 2007.

Coleções